O seu cliente publica conteúdo no site que você fez para ele?

Nós, que trabalhamos com web e programação para web, ralamos para dar ao nosso cliente todas as ferramentas que ele precisa para jogar sua marca na internet. CMS de renome, com bom SEO; integração com redes sociais; newsletter no site principal; layout moderno e fácil de customizar; e muita paciência para tentar ensiná-lo a usar o seu próprio portal.

Mas o que acontece? As empresas não sabem usar essas ferramentas. Nós até podemos ensiná-los a logar no Twitter, a inserir novos posts de conteúdo no blog do site, mas eles nunca alimentam essas redes. E depois reclamam que não obtiveram o retorno total que esperavam do investimento que fizeram no seu trabalho, amigo webdesigner. O que fazer sobre isso?

1 – Mostre artigos para eles lerem sobre isso

Uma boa forma de dizer para seu cliente que ele precisa se integrar das novas tecnologias e usá-las com certa frequência é mandar para ele links de artigos na internet que falam sobre a importância disso hoje em dia. Se ele é daquele tipo que não vai ler os artigos que você enviar, sugiro que compre revistas com matérias sobre o tema e dê de presente para ele (é um investimento que vale a pena) com as páginas marcadas com o que ele deveria ler. Se nem isso adiantar, apele: use os gráficos. Na próxima reunião, quando for entregar o site deles, mostre gráficos que você encontrar na internet sobre o crescimento de empresas depois de adotarem o uso dos recursos tecnológicos que você está disponibilizando para eles.

2 – Indique webwritters para seu cliente

Mantenha uma lista de webwritters que você conhece atualizada. Se você não sabe o que é um webwritter, corra para o Google agora.

Mostre para seus clientes que contratar alguém para fazer o serviço que ele não sabe, ou não quer, ou não vai conseguir fazer direito, é uma boa saída. Mostre também que o valor cobrado por esses profissionais vale a pena. Mostre sites de empresas que utilizam o serviço.

3 – Revisem o conteúdo juntos

Mesmo que o cliente aceite contratar um webwritter, é legal que você revise junto com ele o conteúdo do site na hora que estão para colocá-lo no ar. Erros gramaticais, conteúdo fraco, informações descontextualizadas, etc, fazem perder a credibilidade do seu cliente frente aos clientes dele. Cuide da imagem do seu cliente.

4 – Ensine seu cliente a conhecer o seu público-alvo

Se seu cliente não conhece os próprios clientes, a coisa fica preta para você. Por quê? Porque você não saberá como direcionar o conteúdo web para o público que vai consumi-lo. Mesmo que você não faça o trabalho de webwritter, você é o responsável por organizar as informações no site. É interessante colocar as atualizações do twitter em destaque? Quais redes sociais são importantes para inserir a empresa? É pertinente colocar uma coluna de notícias relacionadas na página principal? Qual a informação que devemos colocar em destaque? Os cases? Os depoimentos de clientes? As marcas parceiras? A formação dos profissionais da empresa? Etc.

5 – Abra os olhos das pessoas

Gaste tempo mostrando interesse. Mostre para o cliente todas as possibilidades que a internet lhe dá. Video institucional para publicar no Youtube e no Vimeo; botão de Facebook para as pessoas curtirem o site; etc. Coisas simples, mas que nem todas as pessoas estão inteiradas da  possibilidade.

Para finalizar, é bom ressaltar que você deve estar minimamente informado sobre o ramo da empresa para a qual você trabalha. Não custa nada gastar uma horinha pesquisando sobre o tipo de conteúdo que os concorrentes dele estão produzindo. Existem muitas áreas que ainda não estão usando as redes sociais e os recursos de integração SEO na internet, e talvez a empresa de seu cliente acabe se tornando pioneira em usar essas inovações – e seu nome vai assinando embaixo como idealizador do projeto. E você sabe, propaganda boca-a-boca é o que há.

Links de leituras adicionais:

Vanessa Guedes

Mais artigos deste autor »

Desenvolvedora web, técnica em redes de computadores, blogueira e curiosa.
Portfólio: http://garotacocacola.com.br/nessaguedes
Onde mais escreve: http://garotacocacola.com.br/outros-projetos/


Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!


cinco − = 1

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>