Produção de LCDs no Japão é interrompida por 30 dias

Como comentamos em outro post anteriormente, um dos setores que será mais afetado pela tragédia no Japão é o de tecnologia. E o mundo já sente os efeitos da crise: primeiro foram as memórias de computador que tiveram a produção paralisada, agora são as telas de LCD de pequeno porte usadas em diversos aparelhos como celulares, smartphones e GPS.

As duas maiores fábricas desse componente, a Toshiba e a Hitachi, anunciaram que irão suspender a produção dos displays por pelo menos 30 dias, devido aos problemas enfrentados pelo Japão pós catastrofe.

Esse anúncio já repercutiu no mercado e a Sony lançou nota dizendo que pode atrasar a entrega de produtos encomendados, mas que está tentando contornar a situação buscando fornecedores alternativos.

Estamos à beira de uma grande crise tecnológica mundial que não se sabe quanto tempo irá durar, pois vai depender da capacidade de recuperação do Japão.

A tendência é que o mercado chinês absorva essa demanda e consiga suprir a falta do Japão.

Quanto aos consumidores, estes deverão enfrentar a falta de produtos no mercado e o aumento dos preços dos produtos (ainda mais).

Preparem os bolsos! :(

Com informações de Olhar Digital

Marcelo Alves

Mais artigos deste autor »

Marcelo Alves, graduado em Desenho Industrial com habilitação em Programação Visual pela Universidade do Estado de Minas Gerais. Atua como Webdesigner e Diretor de Criação desenvolvendo projetos de comunicação para web.


1 Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!


× quatro = 32

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>