Média salarial (2012) das 15 principais áreas de TI no Brasil

Antes de iniciar a leitura, saiba que parte deste material foi retirado do site da revista Veja no artigo “Quer ganhar mais? Seja um craque de TI“.

As médias salariais apresentadas estão disponíveis na 38° edição da Pesquisa Salarial e de Benefícios da empresa Catho Online, grande empresa da área de recrutamento e seleção. Segundo a Catho, os dados são atualizados a cada 3 meses e a pesquisa utiliza-se de uma metodologia exclusiva, sendo a única respondida por profissionais de todo Brasil. Esta edição conta com mais de 260 mil respondentes de mais de 21 mil empresas em mais de 4 mil cidades.

Atenção:

  • A reportagem da Veja não deixa claro (pelo menos não encontrei) quais os portes de empresas foram considerados para chegarem aos números abaixo, portanto, novamente, reforço que se trata de uma média salarial que pode envolver pequenas, médias e grandes empresas.
  • Antes de sair xingando e dizendo que é um absurdo, que não se paga isso e etc, pare um instante e avalie se o que você ganha não faz jus ao que sabe ou o que produz. Avalie se você tem vontade de crescer, se corre atrás do conhecimento, se não fica parado esperando as coisas cairem do céu…
  • Se for comentar algo, não mencione nomes de empresas. No máximo, se quiser comentar, fale de sua remuneração, o que conhece, como chegou lá e etc.

Abaixo seguem as médias das 15 principais áreas de TI nas cinco regiões brasileiras: norte, nordeste, centro-oeste, sudeste e sul.

Administração de Banco de Dados

Administração de Redes

Arquitetura da Informação

Conteúdo Web

Criação Web

E-commerce

Negócios web

Processamento de Dados

Programação

Qualidade de Software

Segurança da Informação

Sistemas
Responsável pelo planejamento, desenvolvimento e implantação de projetos de TI dentro de uma empresa

Suporte Técnico em Informática

Tecnologia da Informação (subárea)
Engloba as divisões de informática, implantação de sistemas da informação, consultoria de sistemas da informação, planejamento, organização e controle administrativo.

Web Development

58 Comentários

Lucas
2

Com certeza não passaram nem perto de maringá para fazer essa pesquisa, pois se não, a média do sul estaria bem abaixo, ou o pessoal em Curitiba, Florianópolis, Porto Alegre devem estar ganhando muito mais que a média.!

Programador não ganha nunca aqui 3,9 k.
Suporte então, não passa nem perto dos 2,2 k.

Essas pesquisas devem ser encomendadas por grandes empresas de TI, para atrair mais profissionais para área, pois está faltando mão de obra, só pode.

henrique fischer
3

aqui no sul suporte ganha na faixa de 900 reais por mes e programador 1300, por isso acho ilusao esses valores.

Allan Souza
4

Em que empresas e com que profissionais foi feita essa pesquisa? No sudeste, pelo menos, no Rio de Janeiro, é o sonho de qualquer Técnico de Suporte ganhar R$ 2.200…

Fabio
5

Eu pensei que fosse ler mais uma daquelas pesquisas que ninguém concorda, mas essa pesquisa parece estar mais de acordo. Mas lógico, se os valores forem como PJ hehehe

Lucas
6

Falar que tem programadores que ganham isso eu concordo, mas falar que é a média??

Cara, tem um programador ai ganhando MUITO BEM pra compensar o que eu ganho, hehehehehe

igor
7

Falando inglês, tem certificação, tem faculdade.
em são paulo da pra ganhar, entretando a média esta alta para o CLT, ja o PJ pode se aproximar mais dessa media.
Conclusão.
Ja que colocaram isso na rede, poderiam colocar também os critérios e o perfil de quem foi entrevistado.
matéria mal feita.

Nader
8

Computação ilusão, ainda bem que me liguei a tempo e parei minha graduação em ciência computação, as empresas e até as universidades iludem o pessoal prometendo maravilhas mas na vida real é bem diferente. talvez um dos pontos positivos seria trabalhar no que gosta.

Patrick
9

A pesquisa está de acordo, concordo com os niveis salariais…agora é o seguinte, pelo tempo que entendo de mercado de trabalho, para o seu salário mudar, ou seja, ter um aumento, muitas vezes é necessário vc tb mudar. Mudar de emprego por exemplo, parte da minha “guinada” na carreira profissional deu-se por essas mudanças.
Outro ponto que o profissional deve observar é a empresa que você encontra-se empregado, vislumbrar também como um empreendedor, ter um auto-analise é muito importante, refletir se existem oportunidades na empresa de crescimento.
Eu por exemplo, trabalhava em uma empresa “X”, percebi que as oportunidades eram poucas, então arrisquei e na primeira oportunidade que fosse boa para o meu curriculo eu sai. Resultado, hoje depois de 4 anos vi meu salário aumentar 5x em relação ao meu salario da empresa anterior. Meus colegas de trabalho que permaneceram na empresa “X” pouco agregaram e o aumento salarial que tiveram foi menos de 1 mil reais nesses 4 anos.
Resumindo, você que tem que ter a inteligência e saber até quanto e quando pode “sugar” da empresa enquanto a empresa te “suga”, se não, irás ficar “sugado”, ou seja, insatisfeito.

Antonio
10

Saiam do Brasil e venham para o Canadá, Austrália, Nova Zelândia e outros países que precisam de mão de obra qualificada e reconhecem verdadeiramente os profissionais de TI.
Pelo menos aqui não me pagam essa mixaria.

Johnson Cruz
11

Quanto ao salário dos analistas de suporte, pelo menos aqui em SP, dentre as várias pesquisas que eu já li, essa foi a que mais se aproximou da realidade, porém a média citada para os analistas de suporte aqui no sudeste é válida somente para grandes empresas ou profissionais PJ.

Marcelo
12

O que?!?!? Nunca, isso ai é para ingles vê!!!
Concerteza esse tipo de matéria e encomendada. Tudo para saturar o mercado, e fazer com que nossa mão de obra desvaloriza cada vez mais.

Manuel Almeida
13

O que vocês esperavam de um artigo retirado da revista “Veja” ?
Lamentável essa revista é uma vergonha, nenhum artigo é feito de maneira parcial tudo é motivado pela pretensão.A verdade sempre é deixada para segundo plano.

Eduardo
14

Pô, eu já tava engatilhado pra zuar essa pesquisa, mas o pessoal já falou tudo.

Aqui no sul pra programador chegar na casa de 3 mil, tem que ter currículo de 5 páginas + superior completo +certificação na linguagem +experiência de matusalém +conhecimento nas rotinas da empresa contratante +um monte de coisa

Alexandre Ruter Facione
16

Senhores,

Vou explanar minha humilde opinião de 15 anos de profissão e mais 5 anos de formação em Ciências da Computação, concluído em 2000.

Com todo respeito as pessoas e entidade que realizou a pesquisa, esses números não estão refletindo a realidade. O grande erro foi separar a pesquisa por regiões. Mais uma vez com todo respeito, no norte praticamente não existe computador. O que há de mais importante no Brasil está em São Paulo Capital. Ou seja, estes parâmetros estão errados e os números mais ainda.

Saudações

Alexandre Ruter Facione

Daniel Matozinhos
17

Adaptando o comentário do Lucas… Tem algum Analista de Suporte por ai ganhando MUITO BEM pra compensar o que eu ganho… Mas como diz a bíblia… Fé significa acreditar naquilo que não se vê! rsrssrs

Lúcia
18

Alexandre Ruter Facione, com todo respeito, tá faltando um pouco de cultura e.. e faltando muito de inteligência. “no norte praticamente não existe computador” foi pra fazer comédia né? Olhe atrás de seu computador e veja onde ele foi produzido. Olhe em sua televisão, cd, dvd e veja se atrás não vai ter um selo “Produzido na Zona Franca de Manaus”. Além da Zona Franca produzir quase todos os computadores, televisores e eletrônicos do Brasil, a maioria das pessoas aqui tem sim computador, pra sua informação. Sou programadora, e moro em manaus. Sim, Manaus fica no Norte do Brasil, no Amazonas. Vai estudar um pouquinho antes de falar besteira

Marcos Silva
20

Alexandre Ruter Facione, vc e um total desenformado, aqui no NORTE tem computador sim, eu trabalho na T.I. de um grupo de varejo com mais de 400 lojas no Brasil todo, antes de vc fazer comentários hipocritas vá se informar,ler,deves ta preso no teu mundinho prai e ainda não se abriu para o qe acontece no País, aqui pro NORTE, tem indios sim que devem ter mto mais cultura e inteligência que vc.
Comentário infeliz esse teu cara.

George
21

Esse valor passa longe da realidade em Palmas-TO, aqui o suporte ganha chorando 900 a 1100, isso se for bacharel na área de tecnologia da informação é claro.

Edson
22

Concordo com o Lucas e o Henrique, estes valores são irreais. Este truque fica cada vez mais claro, divulgar valores estratosféricos para atrair interessados. Tudo mentira. Aqui na minha empresa, só o gerente que ganha acima de 3 mil. os demais na faixa dos 1.000,00 suporte, 1500,00 coordenadores e programadores. E O PATRÃO ACHA QUE ESTÀ GASTANDO MUITO … SOLUÇÃO: PUBLICAR UMA REPORTAGEM DESTAS PARA SATURAR O SETOR !!!
NÃO SE ENGANE … CAIA FORA DA ÁREA DE TI .. É SÓ PARA QUEM GOSTA !!!

Carlos Ruas
23

Considero a pesquisa importante, não pelo fato de atrair mais mão de obra para o setor, mas também para abrir a mente da galera a lutarem por salários melhores, pois muitas vezes a falta o marketing pessoal que nos faz ter salários baixos. Precisamos de mudanças assim como foi postado pelo “Patrick”. Pois se não gritamos por salários melhores vocês acham que os patrões irão oferecer só pra não ficarem atrás do mercado? TI é pra quem gosta, mas nada melhor que fazer o que gosta e ainda ser renumerado com salário justo para o cargo que ocupamos.

Hoje trabalho no Sul, mas quando trabalhava no sudeste a realidade era a mesma.
Abraço a todos

Rafael
24

Engraçado, como quando notamos as diferenças entre as regiões e não é tão significativa como pensei ser. O que muda mesmo, é o custo de vida

Leandro
25

Concordo com a média, mas em Porto Alegre tem que procurar, e outra, se vc é um acomodado, nunca vai chegar nesta média, porque o que importa é você não aceitar o que te pagam, questionar, e ir atrás de algo melhor (se tiver qualificação, óbvio). Antes de iniciar em uma empresa, procure saber o clima, quantas pessoas foram promovidas, se os salários estão compatíveis, ou depois não adianta chorar. Mercenários exploradores é o que mais tem, mas só existem, pois pessoas não são profissionais o suficiente para recusar, são piores que mulher de programa, fazer de tudo e ganham quase nada, o que faz com que a maioria seja nivelado para baixo. Ou você se dá o valor, ou morre ganhando migalhas. Acordem.

luciano lemos
26

Nossa pessoal, imagina uma pessoa prestes a se matricular em um curso de sistemas de informação, tudo certo, bolsa garantida, documentação e muita espectativa pra atuar na area que sempre sonhou. SOU EU!!!!! KKKKKK, agora ficando desesperado com tantos depoimentos nada animadores. Tem problema não, kkkkk, vou fazer pporque é uma área que gosto demais, e quanto ao mercado de trabalho, me qualificar ao máximo pra poder exigir condições melhores no segmento…. abraço a todos!

J. Miguel
27

A pesquisa é algo bem “genérico”, se posso definir assim. Te dá apenas um vislumbre. É verdade que boa parte não chega perto dessas médias? Sim. Mas eu acho que se trata muito mais de falta de qualificação do profissional, mas também de falta de visão da empresa. Vários fatores vão influir na variação do salário em relação à média.

Por exemplo, eu comecei a estagiar essa semana, dia 16/07 (segunda). Demorei um pouquinho pra achar essa vaga de estágio, não peguei a primeira nem a segunda que encontrei. Mas valeu a pena, pois estou numa empresa rankeada em http://www.greatplacetowork.com.br/ nos últimos 3 anos. E o valor da bolsa de estágio que vou receber está na faixa entre R$ 1100,00 e R$ 1300,00.

Reclamar do empregador é fácil. Mas se não fizer por onde, fica bem difícil mesmo =)

Wander
28

Sinto muito, mas vou ter que sair falando sim! IMPOSSÍVEL a média salarial do suporte técnico ser de 2.200,00 no Sudeste, nem como PJ! Em São Paulo – SP as empresas oferecem de 700,00 a 900,00, e outras, vagas mais difíceis de encontrar, estão entre 1000,00 e 1400,00, sendo que essas pedem conhecimentos em sistemas específicos. Infelizmente a realidade de TI é outra.
Aí o coitado do cidadão vem pro Sudeste pensando que vai ganhar mais!

J. Miguel
29

Bom, Wander.

Não posso afirmar que essa média para suporte técnico está correta. Na verdade, parece meio “alta demais” mesmo para a realidade. Mas posso te dar outro exemplo prático. Meu irmão (graduação em andamento, estamos na mesma turma) trabalha há 3 meses com suporte técnico em uma empresa de call center aqui em Campinas.

E o salário CLT dele está em R$ 1200,00 fora benefícios como vale transporte, vale alimentação, vale refeição, dentista e convênio médico participativo. E te digo mais, hoje mesmo há vagas na empresa dele.

Percebe porque fica difícil pra pessoas como eu acreditar que salários baixos sejam culpa única e exclusivamente das empresas?

Daniel
30

Bom … quem concordou com os valores deve estar ganhando MUITO bem, pois estão compensando o que eu ganho e fazendo com que a média suba.
Devem ter feito pesquisa só com aqueles profissionais que trabalham em grandes empresas e grandes projetos.
Hoje em dia você procura vagas e te oferecem R$ 1200,00 COM INGLÊS FLUENTE, e mais um montão de conhecimentos, inclusive certificação !!!
Prefiro ir tocar violão na Sé ! ;D – São Paulo.
Já vi vagas assim. Já vi vagas até para ganhar R$ 1000,00 com disponibilidade para viagens !!!
Algumas pessoas que eu conheço estão lutando por uma vaga e estão na situação de aceitar qualquer coisa, só pra não ficar parado e sem dinheiro. E assim essas empresas preenchem as vagas que a televisão e os jornais dizem que estão “sobrando” no Mercado de TI.

jojo
32

pesqisa mentiroza
media de salarios no geral na regiao de campinas,e grande sp para cursos tec
e outras profisao agregadas como vigias ,motoristas,professores,primarios ad de empresas medias de 1.300.00 reais e o clase media do brasil tem que ter uma renda superior a um milhao por ano abaixo disso e pobre,e a familha que tem uma renda inferior a 1.000.00 mil dolar esta a baixo da linha da pobreza,,

ricardo colonelli
34

Acredito que realmente existam esses salarios sim,porem existem tambem as malditas terceirizadoras de mao de obra que jogam o salario la embaixo.Sai de SP em 2009 e ganhava 2500 limpo fazendo todo tipo de atendimento,campo,assistencia,montagem,rede,servidores(banco de dados,server,AD e seguranca) e mais por fora com vendas e atendimento meu.Acredito que tem espaco pra todos e tem como ganhar dinheiro sim,falta boa vontade e forca para estudar porque realmente a area precisa de gente qualoficada e nao o Jao que faz tudo.Sou formado em banco e tenho certificacao em todas as areas que trabalhei,eh um custo necessario.Programacao eh uma otima area porem os gringos estao tomando o mercado,estudem muito!
Quanto ao o Norte e nordeste tem sim computadores otimas empresas e profissionais e nao deixam nada a desejar para sul ou sudeste,trabalhei em manaus e la tudo chega antes porque os patroes milionarios estao la !
Para testar e depois produzir o que se distribui no Brasil.
Boa sorte a todos e uma area muito grata e sou feliz por fazer parte.

Gustavo
35

Que humilhação, ser iludido por esses valores, espero que sejam valores das regiões norte\sul\leste\oeste dos Estados unidos, o salário deve ser em dólar.

Acilon
36

Com certeza não passaram por Fortaleza-CE, onde os salários para nós da TI são absurdamente baixos. Esses dias divulgaram uma vaga para Técnico de Suporte pedindo mil e umas coisas, por exemplo, ter moto, ser habilitado, realizar toda a parte de suporte mesmo, até a parte de Tv a cabo, para ganhar míseros R$ 670,00. É brincadeira com um profissional que estuda bastante, dedica-se para tirar certificações importantíssimas, caras, além de pagar a faculdade que não é nada barato, ganhar um mísero salário desses.

Vanessa
37

Bom, sou do Nordeste mas hoje trabalho no Rio de Janeiro na área de TI, e posso dizer que a diferença salarial entre as duas Regiões não é tão pequena como mostra na revista.
Em Recife, Fortaleza ou Salvador, você pode chegar a salários um pouco mais próximos do que se paga no Rio e em São Paulo, mas ainda temos mais 6 capitais nordestinas que pagam muito mal.
Se eu ganhasse até mil Reais a menos do que ganho aqui, morando em Natal, não pensaria duas vezes em voltar, até porque o custo de vida é bem menor. Porém, isso não acontece.
Outra coisa que me surpreendi na reportagem, foi com os valores médios de salários. Eu ganho mais ou menos o que apresentou a reportagem, mas já fiz entrevista em diversas empresas no RJ e em SP e posso dizer que a maioria está oferecendo um salário bem menor. Portanto, não acredito que seja a média salarial da área de TI, e sim “o maior salário apresentado na pesquisa”.
Vi também várias pessoas dizendo que TI é para quem gosta. Eu não conheço outra profissão que seja “para quem não gosta”. Quanto ao outro comentário sobre a Região Norte não ter computador, é uma grande inverdade. Porém, as melhores oportunidades na área de TI ainda estão no Sudeste.

Daniel Santana
38

Olá , Moro em São Paulo Capital , Fiz 18 anos nesse mês de setembro , e estou terminando o 1º ano de Ciência da Computação , realmente essa tabela esta fora da realidade , conheço cara formado , ganhando R$ 1.200,00 , eu amo a areá de Ti , porém esse final do ano , to caindo fora da faculdade , muito gasto , quase R$ 800,00 por mês , to fora , e ainda aguentando Ônibus Lotado , gente em cima de gente , AFF , to indo embora para santa catarina final do ano , pois nasci la e tenho parentes lá , você que pensa que vai vim para São paulo e ser dar bem na areá de Ti , só se você tiver milhares de anos de experiencia, várias certificações , inglês fluente sempre etc. , AFF , pura ilusão São Paulo , o negocio hoje em dia é investir em Concurso Público , depois que você passar , faz uma faculdade de boa . Abraços

Felipe Oliveira
39

Caros amigos,

Vi diversos comentários comentando sobre os dados da pesquisa estarem equivocados, sobretudo o pessoal do Sul do país.

Sou de São Paulo e tive contato recentemente com empresas do Sul, Maringá e região e posso afirmar que infelizmente vocês mesmos cavaram a própria sepultura. Há diversas softwares houses se aproveitando da mão de obra “barata”, vendendo os Fábrica de Software a clientes de São Paulo à partir de 120 reais a hora e pagando 1300 reais como citaram.

O Gap está indo para os donos das empresas, lucrando imensamente. Então, o profissional pensa em vir pra SP pois aqui a realidade é diferente. Contudo, somos 18 milhões de habitantes contra 600 mil de Maringá.

Como conseguimos nos organizar e os profissionais não aceitam menos de um X valor hora ? MindSet, mesmo quem vem de fora pra SP já chega aqui querendo ganhar $.

Vocês precisam se organizar e forçar o mercado para cima, senão lei do capitalismo. Se o mercado inteiro estipular 50 reais a hora, acabou a empresa não tem pra onde correr. Ela não irá fechar e terá que pagar, simples assim.

Felipe Oliveira
40

Eu li diversos comentários sobre a área, mas assim como outras profissões, há especializações.

Vou dar alguns números PJ de SP, quem quiser saber mais pode acessar o GUJ e e tirar suas próprias conclusões – http://www.guj.com.br

Java Jr. – Começa em uns 20 a 35 reais a hora x 168 – 4.200
Java Pl. – De 35 a 48 reais hora.
Java Sr. – 50 a 60 reais hora.
Arquiteto Java – 65 a 90 reais hora (varia de negociação, experiência etc. )

OBS- Vale a mesma coisa para C# .NET

Galera de Ruby-Rails, média 7 mil reais. no R7 portal a equipe ganha por volta de 8-9 mil.

Especialista ESB – 65 a 80 reais hora.
Especialista BPEL SOA Suíte – 75 reais a 95.
Especialista BPM – 75 a 90 reais.

Arquiteto SOA – 90 a 120 reais
Especialista SAP – 90 a 150 reais hora.

Por fim, sou dono da SOA|EXPERT e meus profissionais alocados e equipe, começa em 65 reais hora, ou seja, praticamente em 11 mil. Claro que exijo bastante dos profissionais, mas deixo claro que dá pra ganhar sim muita grana na área. Basta estudar muito.

Fundei a empresa há 2,5 anos, contudo sou programador e sempre fui consultor Java-SOA e nunca ganhei mal em SP, pelo contrário.

Felipe Oliveira
41

Só pra fechar, conheço consultores que ganham mais de 200 reais a hora, e uma garotada tirando por volta de 25 mil reais com programação, sem ser dona de Startup nem nada.

A maior parte, trabalha com grandes empresas e virou commiter de projetos OpenSource, trabalham remoto do Brasil, mas ganham em dólar.

Cristóvão Macedo
42

Felipe Oliveira,
eu gostaria de falar contigo acerca da possibilidade de eu ir trabalhar para o Brazil. Eu sou de Portugal e acabei agora o meu curso (Licenciatura e Mestrado) em Engenharia Informática.
Uma vez que tens uma empresa de Informática, deverás poder responder as minhas perguntas.
Poderias responder para o meu email então ?
email: cristopmacedo69@msn.com

Cumprimentos
Cristóvão

Roney Cruz
43

Nao sei como considerar a pesquisa ou fonte confiável pois certamente não é a realidade do Centro Oeste do estado , falo de Campo Grande MS , e o mercado aqui paga quando muito 3.000$ para Um analista Senior de alto nível …

É uma realidade infeliz do setor aqui no MS.

Thiago Adomaitis
44

O que eu mais vejo é moleque recém-formado, com 20, 22 anos, querendo começar ganhando R$10k.

Claro que é todo um processo de experiência, de evolução, de destaque.

Comecei a trabalhar com 17 anos, e hoje, 3 anos depois, já ganho 4x mais do que quando comecei a carreira. É isso, ninguém falou os locais, mas ninguém falou a média de idade dessas pessoas. Então, estudem e se destaquem mais, e se não estão satisfeitos com sua região, vão para outra. Parem de mimimimi.

José Roberto
46

Sou técnico desde 1995, por causa dos salários baixo, desisti da profissão e fiz um concurso para motorista, agora estou querendo voltar pra área mas os sálarios pelo menos aqui no Rio continuam baixo em torno de 1000~2000. É frustante!

Dirceu
47

A Pesquisa leva em conta os profissionais qualificados e competentes.
Os curiosos que entram na área e não se dedicam, sempre vão reclamar do salário baixo, e tão breve vão cair fora …rsss

“T.I. é para quem gosta de pensar”

Ale
48

Olá Pessoal,

Trabalho no mercado de T.I há alguns anos, sou formado em 2 técnicos (redes e programação), tenho inglês fluente, estudo outro idioma, e estou me graduando em uma federal. Moro no Sul e atualmente trabalho em uma empresa de médio porte como Suporte Técnico em Informática.

Tenho maior experiência, mas resolvi trabalhar como esse suporte por motivos financeiros. Ganho 2.2k como na pesquisa, porém essa é uma entre as 3 empresas que pagam melhor na cidade.

Acredito que esses valores estão muito altos, e não refletem a média de maneira alguma. Quando morei em SP trabalhei em alguma empresas e vi profissionais ganharem bem menos, muitos deles formados.

Se vocês querem ganhar bem no mercado de T.I não adianta apenas reclamar. Primeiro precisa de muito estudo e não apenas ficar na área de TI. Desciplinas como Gestão, Projetos ou Idiomas extras vão ajudar, e muito, na hora de uma promoção, ou na luta por um emprego melhor.

Minha opnião pessoal é que…muitas empresas sabem que tem muitos jovens estudando para essa área (técnicos, técnologos, bachareis, engenheiros) , então fazem parcerias com sites de “emprego” e “revistas” que publicam salários fantasiosos, para que esses jovens se formem e vão para o mercado, que está desesperadamente a procura desse profissional.

Mas a realidade de salários ainda é diferente… porque as necessidades do nosso país são outras (leia … salários sempre baixos) e também porque nossa classe de trabalho não é tão unida e organizada como algumas “profissões clássicas”. Não temos conselhos fortes, como administração, direito ou medicina, por exemplo.

Precisamos nos unir, criar um conselho regional forte, recusar qualquer emprego que ofereça salário porcaria, mudar de empresas que exploram muito, e deixar as empresas na mão, pois a TI praticamente é o coração das empresas e é muito facíl ganhar R$1.000,00 ou R$1500,00 trabalhando como autônomo, se e somente se, sua cidade tiver campo e o seu trabalho for muito bom!

Estudo custa caro, certificações mais ainda. Incluindo passagem, almoços, muitos livros, gastos com internet…..

Quem não der valor ao seu estudo e suor está perdido, pois nenhuma empresa se preocupa com seu bem estar. Empresas visam lucros. Saiba onde seu trabalho “doi” no bolso do seu patrão e exiga mais… ou se mude para uma região/país onde seu trabalho é mais bem pago e reconhecido…

Sucesso a todos nós, meus amigos!

T.I não é só pra quem gosta. T.I é pra quem quer estudar muito, gosta de tecnologia e é esforçado! o resto é balela!

Teta de nega
50

Me formei a pouco tempo. Fiz Tecnologia da Informação. Curso durou quase 3 anos.
Consegui entrar na área de T.I. como Auxiliar de Sistemas ganhando nos primeiros 08 meses pouco mais de R$1.000,00 reais por mês. Hoje ganho no total pouco mais de R$1.500,00 de salário mais ticket de R$340,00, emprego em São Paulo. Pergunto aos mais experientes se esse cargo denominado Auxiliar, depois disso vem Assistente ou já iria de cara para Analista de Sistemas. Parabéns pelo site.

Alan
51

Creio que alguns não entenderam que ali não mostra os níveis dentro da área, é uma média geral. Um Junior em programação pode ganhar 2000, um pleno 4500, um sênior 6000. Ali só mostra a média. Mas tem gente que ainda acha que é alto o salário. Uma droga pra quem passa anos estudando e tem que estar sempre se atualizando. Outras áreas como medicina, engenharia praticamente não mudam e ganham muito mais. Os problemas da nossa área são a falta de capacidade de mobilização, desunião e se contentar com pouco. Era pra um desenvolvedor ganhar pelo menos o dobro desses valores aí. Mas o salário vem caindo se não prestam atenção e ainda acham que isso é salário alto. Se acham que qualquer um pode fazer um programa bem feito, se aventurem, ou paguem o que o trabalho realmente vale. Eu valorizo o meu trabalho. Acho que falta isso na nossa área. Vejo gente se desvalorizando o tempo todo, até com brincadeiras aparentemente inocentes, tipo “garotos de programa”, isso é pejorativo meus amigos, não somos prostitutos(as).

Tatu Bolinha
52

A origem é a VEJA. E vocês, ainda, estão dando corda para isso ?!?!?!

Muitos dizem que os profissionais em COBOL são os que ganham muito bem. Então, se alguém conhece algum profissional em COBOL, pergunte pra ele se ele está satisfeito e se o padrão de vida dele continua o mesmo de 10 anos atrás em relação à remuneração atual.

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!


1 + = oito

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>