Será que você conhece o seu ambiente de trabalho?

Será que são as pessoas que não colaboram ou é o ator social que não sabe diagnosticar o ambiente em que se encontra inserido? É comum ver o ator social ou pessoas da organização justificar o insucesso de alguma implantação devido a não aceitação das pessoas ao processo de mudança. Mudar não é uma tarefa fácil, pois ela por si só nos tira da zona de conforto, ou seja, ela atinge o nosso interior que tende a se fixar na inércia na maioria das vezes.

O processo de mudança somente é internalizado após a pessoa ou o grupo relatar que aquela tarefa é realizada por todos daquela maneira, indiferente de ter uma chefia por perto ou não.

Por esta razão, compreender o contexto em qual se encontra inserido se torna essencial para poder realizar mudanças de qualquer tipo, conhecer o ambiente proporciona ao ator social realizar o que almeja de uma forma que provoque o menor nível de stress a todos os envolvidos.

Uma organização é composta de pessoas distribuídas em grupos, ou seja, um conjunto de subculturas. Cada uma destas subculturas possuem características específicas que devem ser avaliadas e compreendidas para avaliar a melhor forma de introduzir e propor a mudança.

A mudança em si é algo lento, embora seja algo constante em toda organização. Ela ainda é realizada de forma errônea por muitos atores sociais, que ainda desconhecem o seu ambiente, embora digam conhecer. Ou seja, observa-se que ainda falta o ator social conhecer sobre a área do negócio da organização.

A área de TI nos últimos 10 (dez) anos vem se transformando rapidamente, sendo necessário a todo o momento justificar seus custos, maximizar suas entregas e minimizar as falhas nos serviços solicitados pelos clientes.

Embora muito se fale de ITIL, pouco se observa de fato em planejamento ao inserir as mudanças de melhorias propostas pelo framework, os atores sociais muitas vezes desconsideram as formas de comportamento das pessoas e as particularidades do ambiente.

O que se observa em campo é uma alta rotatividade dos técnicos que não são inseridos de fato ao novo modo de trabalhar. Por mais que se realize o treinamento de ITIL aos novatos, observa-se que mesmo os atores sociais responsáveis pela coordenação de suporte ainda não conseguem de fato realizar os links sobre o negócio e a área de TI.

Neste caso, se faz necessário ainda a muitos atores sociais realizar treinamentos para aprender ou compreender como se deve fazer para realizar mudanças no comportamento das equipes.

O ator social deve compreender que para realizar mudanças em um ambiente não basta saber apenas sobre gerenciamento de mudanças da ITIL e sim, compreender mais sobre cultura e mudança organizacional, conteúdo este que se aprende em cursos de extensão ou dentro da academia. Embora, mesmo dentro da academia ainda existe a necessidade de reinventar a forma de transferir conhecimento, pois o conhecimento ainda não é transferido de uma maneira fácil para assimilar os conteúdos que estão relacionados a tudo e todas as ações do ambiente.

E você, o que percebe em seu trabalho. Quais são os aspectos do seu ambiente que atrapalham suas implantações ou mudanças de rotinas ao pensar em ITIL?

Fernando C. G. D. Guerra

Mais artigos deste autor »

Mestre em Administração Profissional pela Faculdade de Estudos Administrativos de Minas Gerais (FEAD), Especialista em Gestão Estratégica da Informação pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), MBA em Gestão de Projetos e Graduado em Administração de Sistema de Informação pelo Centro Universitário UNA (UNA).

3 Comentários

Marcelo Melo
1

Olá Fernando, tudo bem?

No meu caso, quando se trata de mudanças, a grande dificuldade é com o usuário!
Ao implantar um novo sistema, a grande maioria dos usuários não abrem mão de utilizar o antigo, e fazem muito corpo mole quando é necessário executar tarefas para a implantação. Mesmo que seja evidente a necessidade da colaboração de todos, eles se sentem no direito de não “mover uma palha”, e esperam do setor de T.I que o projeto seja entregue da melhor forma possível.

Marcelo Melo
2

Aliás, tenho um case bem interessante, que é o que venho passando no meu trabalho! Daria um ótimo artigo! hehehe
Se quiser, posso disponibilizar minha história deste projeto.
Atenciosamente,

Marcelo Melo

Haydan AguiarFernando C. G. D. Guerra
3

Olá Marcelo!!!

Seria ótimo compartilhar experiencia, conte o que esta passando quem sabe eu ou outros podem coloborar.
Abs
Fernando

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!


× três = 6

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>