Diferença entre cluster e setor de um Disco Rígido (HD)

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Algumas pessoas quando falam sobre disco rígido, confundem-se quando formatam o HD (hard disk). As vezes, ficam na dúvida se a formatação no disco foi física ou lógica.

Bem, a formatação física só acontece quando o HD sai de fábrica, onde durante o processo de fabricação do disco rígido, acontece a formatação física do dispositivo, onde é gravada, na placa lógica do equipamento, a tabela de endereçamento das áreas de armazenamento do HD.

Ou seja, existe um processo em que o disco é “mapeado” em setores, cada um com seu endereço físico e então, é gravado na tabela esse endereçamento que mais tarde será utilizado pelo Sistema Operacional para organizar as informações alí gravadas.

Quando se fala setor, trata-se da menor porção física de um HD, ou seja, é o endereço mapeado no próprio disco rígido, com tamanho de 512 bytes cada.

O cluster, é um conjunto de setores em que o Sistema Operacional reconhece e se organiza para gravar as informações lógicas. Como o setor, o cluster também é o menor tamanho que o SO (Sistema Operacional) reconhece, sendo assim, o cluster é a menor unidade de informação lógica.

Quando se formata logicamente o HD, estamos limpando e habilitando no disco rígido a capacidade de se instalar um Sistema Operacional que vai reconhecer os clusters, local onde o sistema de arquivos será gravado, bem como outras informações.

Resumidamente:

Setor: a informação alí contida é sempre Positivo ou Negativo, Magnetizado ou Desmagnetizado, zero ou um, etc.

Cluster: a informação lógica alí contida são dados, informações possíveis de interpretação pelo Sistema Operacional.

Quando é utilizado alguma ferramenta forense para checar as informações no Slack Space, a ferramenta retorna com os dados classificando por cluster, e não por setor.

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Roney Medice

Mais artigos deste autor »

Coordenador de Segurança da Informação do Terminal Retroportuário, no Porto de Vitória, com mais de 22 anos de experiência na área. Consultor de Segurança da Informação do Grupo Otto Andrade. Membro Fundador do CSA - Cloud Security Alliance, Membro do Comitê ABNT/CB-21 em Segurança da Informação. Graduado em Ciência da Computação, Direito e MBA em Gestão de Segurança da Informação.


6 Comentários

Evandro Machado Pereira
1

Boa noite, gostaria de confirmar uma informação. No sistema de arquivo HPFS nao sao usados clusters, e sim setores físicos, que acredito que seja o mesmo que os tais setores, citados no texto acima. Aguardo Resposta.

Att.: Evandro Machado

Roney Medice
2

Evandro,

Isso mesmo, o HPFS não usa cluster e sim o tamanho de 512 do próprio setor do disco.

Entretanto, apesar de eficiente, este sistema de arquivos caiu em desuso junto com o OS/2. Atualmente, o único sistema operacional que suporta o HPFS é o Linux.

Célio Ribeiro
4

Boa tarde, por favor me esclareça, comprei um HD Seagate de 1TR e ele tem os seguintes parâmetros:

Setor size
Logical = 512
Physical = 4096
Alignment = 0

Tem como mudar o Physical de 4096 para 512?
Obrigado.

Roney Medice
5

Cèlio,

Vale a pena a leitura desse artigo da IBM: https://www.ibm.com/developerworks/br/linux/library/l-4kb-sector-disks/

A partir de dezembro de 2009, fabricantes de discos rígidos começaram a introduzir discos que usam setores de 4096 bytes, ao invés dos setores mais comuns de 512 bytes. Apesar de essa mudança ser mascarada por firmwares que separam os setores físicos de 4096 bytes em setores lógicos de 512 bytes para o benefício do sistema operacional, o uso de setores físicos maiores tem implicações para o layout do disco e o desempenho do sistema. Este artigo examina essas implicações, incluindo avaliações de desempenho ilustrando os prováveis efeitos reais em alguns sistemas de arquivos comuns do Linux®. Com discos de setores de 4096 bytes tornando-se mais comuns a partir de 2010, as estratégias para lidar com esses novos discos se tornarão cada vez mais importantes.

Renan Lopes
6

Olá Roney. Parabens pelo artigo, me tirou algumas duvidas. Tenho um HD Seagate que diz ter 4096 bytes de tamanho de setor fisico e 512 bytes de setor lógico. Traria beneficios se eu formatasse esse meu HD da Seagate de 512 para 4096 bytes de setor lógico? Obrigado!

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">