Facebook revela estratégia agressiva para publicidade on-line

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

O Facebook anunciou uma nova estratégia para incentivo a publicidade on-line através de sua plataforma. Digamos que lembre bastante o Adsense, porém, a estratégia é pagar para quem visualiza o anuncio e não para quem ajuda a anunciar.

A forma de incentivo encontrada pelo Facebook é prova de que uma nova porta para negócios está se consolidando através da publicidade junto ao Facebook. Tudo funcionará de uma forma simples e eficaz, com lucros para todos, o que é melhor. Se continuar assim, em breve teremos profissionais específicos para a plataforma do Facebook e não ache que é uma tentativa de acertar um previsão, não, na verdade estamos caminhando para um futuro todo on-line.

O investimento em publicidade on-line tem crescido, apesar da desconfiança por parte de alguns investidores, porém, não estão podendo mais ficar de fora e são obrigados a aderir a  essa nova modalidade.  O mercado vem crescendo e com esse crescimento cresce também a necessidade de profissionais especializados em determinados serviços, o que faz com que foco e comprometimento em determinada área sejam valores indispensáveis. Por isso, tudo posso considerar que em breve profissionais serão classificados não mais por um serviço generalizado, como Profissional de Marketing Digital, mas sim, pela plataforma que ele tem mais domínio como, por exemplo, o próprio Facebook. Certamente a habilidade em fazer negócios dentro de uma plataforma será o diferencial de cada profissional, o que resultará em novos rótulos e exigirá foco.

A proposta do Facebook é gerar créditos para quem visualizar os vídeos publicitários, sendo que cada visualização dá direito a 1 crédito e cada crédito vale 10 centavos de dólar para compras na loja de compras coletivas do próprio Facebook, a Facebook Deals, que só está disponível em algumas cidades dos Estados Unidos, por enquanto.

Só terá direito a receber esses créditos aqueles que visualizarem os vídeos por completo, esses vídeos estarão disponíveis inicialmente em games existentes na plataforma, posteriormente, serão acrescentados de outras formas.

Um bom sinal para profissionais de Mídias Sociais e Marketing On-line, pois temos aí uma concorrência direta com o Google o que fará com que novos investimentos, setores e ações sejam criados para se diferenciar no mercado, portanto, aquele profissional que mais se empenha, se especializa e se atualiza terá destaque.

Creio que a disputa entre grandes corporações, como Google e Facebook, pode diversificar tanto o mercado a ponto de conseguirmos separar o joio do trigo.

Um grande Abraço.

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Luiz Castro Junior

Mais artigos deste autor »

Diretor da Alpis Consultoria.
Consultor Certificado 8 Ps - Marketing Digital, Planejamento Estratégico digital, Gestor de Projetos.


3 Comentários

Bruno César Bulnes
1

Parabéns pela postagem. Gostei bastante.

Porém, discordo de um ponto. Não acredito que existirá uma classificação de profissionais por plataforma de maior conhecimento. Falo isso, pois vejo diariamente, até mesmo no mundo da programação, multi-profissionais, ou seja, profissionais especializados em diversas áreas e não só em uma.

Mas é esperar para ver. Talvez eu esteja errado.

Mesmo assim, é uma ótima postagem.

Abraços.
Bruno César Bulnes.

Luiz Castro Jr
2

Olá Bruno,

Agradeço a leitura e obrigado por dividir conosco sua opinião.

Há de concordar que o mercado tem expandido a ponto de exigir profissionais especializados em determinadas áreas, com foco e feeling especial – o que valoriza-o muito no mercado de trabalho. O que quis ressaltar aqui é que o mercado tem se modificado de tamanha forma e exigido tanto de nós que não temos a mesma flexibilidade de antes, coisas novas e não mais tão parecidas umas com as outras surgem e alguem tem que lidar com isso, o mercado está aberto para todos portanto sempre existirá algo novo e alguem novo para lidar com isso.
Mas você tem razão, sempre existirá profissionais que dominam diversas áreas porém serão em alguns anos poucos profissionais. Digo isso porque o mercado está tão gigante e sem mão de obra que aquele que se destaca em algum item acaba vencendo no mercado de trabalho, isso faz com que o foco seja característica importante para esse tipo de profissional, claro que tem grandes gênios que por sinal admiro que tem a facilidade de lidar com diversas áreas ou seja lá o que for de forma magnífica, portanto do jeito que as coisas estão indo o profissional multitarefa não será tão comum assim em alguns anos. Já passamos da fase experimental em algumas áreas e estamos conseguindo reconhecimento internacional em outras e quando chegasse a esse nível o mercado mesmo tende a exigir profissionais que se dediquem a determinada coisa, claro que quanto mais conteúdo o profissional agrega mais valor ele tem porém o mercado estará aberto também para aqueles que não são multi-tarefas e serão (já são) muito bem valorizados.

Talvez até mesmo minha forma de colocar o texto deixou vaga a mensagem, portanto é sempre bom trocarmos idéias. Um grande abraço Bruno.

Marcelo Azeredo (MCAzeredo)
3

Muito boa a idéia de inovação na publicidade online, mas só poderemos mesmo saber a eficácia a partir do momento que esiver no ar. No ponto de vista da comunicação, pode-se haver uma certa dispersão da mensagem só pelo fato do internauta estar acumulando créditos e não estar vendo aquele determinado assunto como relevante para ele.
Abs,

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">