Data Center do Estado do ES chega a um ano de atividades com alto nível de segurança da informação

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

A inauguração do Data Center do Estado completou um ano nesta quinta-feira (20). Localizado no Instituto de Tecnologia da Informação e Comunicação do Estado do Espírito Santo (Prodest), esse ambiente é considerado uma referência nacional no setor de TI. Uma das razões é o alto grau de disponibilidade das informações hospedadas que atinge quase 100%.

Contribui para esse quadro a parte elétrica composta por subestação, geradores, transformadores, nobreaks, entre outros equipamentos. O sistema elétrico ainda se caracteriza pela duplicidade de circuitos. Quando um componente deixa de funcionar de forma adequada, é substituído por outro sem interrupções no fornecimento de energia.

“Há mais de um ano, nossas atividades não são paralisadas por causa de problemas no sistema elétrico. Inegavelmente, isso mostra que o Data Center está atendendo os órgãos públicos com qualidade e os ajudando a prestar um serviço cada vez melhor aos capixabas”, ressalta o presidente do Prodest, Paulo Henrique Rabelo Coutinho.

Informações

Foram investidos R$ 22 milhões para a construção desse ambiente, que possui 1.400 m² e 100 servidores instalados para fazer o processamento de dados de diversos serviços como, por exemplo, a folha de pagamento dos funcionários públicos.

No Data Center, estão hospedadas informações das secretarias estaduais e de sistemas importantes para o Estado, como o Sistema de Gestão Escolar (disponibiliza o boletim eletrônico de desempenho dos estudantes na web), o Sistema Integrado de Administração de Recursos Humanos (Siarhes), o Sistema de Protocolo Eletrônico (SEP), entre outros.

Outro aspecto que comprova a qualidade dos serviços prestados é a sala cofre. Com 159 m², ela reforça a segurança dos dados, porque protege os equipamentos eletrônicos de fumaça, água, fogo, vandalismo, pequenos desmoronamentos e roubos. Nesse sentido, também se destaca o sistema de detecção e combate a incêndio.

Na parte de infraestrutura, um recurso importante é a sala colocation – espaço destinado para que servidores de outras instituições estatais estejam hospedados. Na sala de videomonitoramento, está instalado o vídeo wall, composto por três monitores de LCD com 87 polegadas. O dispositivo permite acompanhar o funcionamento dos computadores, servidores, instrumentos de combate a incêndio e os demais equipamentos.

Fonte: Assessoria de Comunicação/Prodest – Eric Lopes Menequini

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">