Middlewares – Você ainda vai ouvir falar deles!

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Basicamente Middlewares são Servidores de Aplicação que permitem o desenvolvimento de aplicações distribuídas através do fornecimento de serviços que permitam que os usuários e desenvolvedores se abstraiam das questões comuns a todas as aplicações, concentrando-se nos aspectos de negócio da aplicação em questão. Alguns exemplos de serviços fornecidos por esses servidores são o controle de transações, objetos distribuídos, mensagens e segurança. Como exemplos de servidores de aplicação podemos citar o Glassfish e o Apache.

Bom, mas e daí? Com avanço da computação móvel e popularização do acesso a rede, a necessidade de aplicações distribuídas é hoje uma realidade. Se o seu sistema ainda não roda em múltiplas plataformas e permite múltiplos acessos, você pode estar atrasado. Trabalhar questões comuns a esses tipos de sistemas é um dos objetos dos Middlewares, que funcionam como uma camada intermediára entre o sistema e o cliente, como você pode ver na figura abaixo:

Middlewares

Como exemplo de uma camada de middleware podemos citar o CORBA, que fornece a abstração necessária para a criação de classes para os ambientes de rede, sistemas operacionais e aplicações, mascarando a heterogeneidade entre os sistemas.

Para se adequar aos sistemas e técnicas de desenvolvimento utilizadas hoje, temos a utilização dos middlewares orientados a objetos, que adequam-se melhor às linguagens OO e são mais flexíveis devido também a possibilidade da utilização de interfaces. Contudo, para que esse tipo de tecnologia possa ser utilizada, métodos comuns devem ser retirados das aplicações e/ou alterados (incluídos em um repositório) utilizando uma tecnologia de objetos distribuídos, para que esse tipo de middleware possa ser utilizado e cada aplicação necessita ser testada e redefinida. Por isso é considerado uma tecnologia invasiva, exigindo grandes mudanças para a utilização do mesmo.

Enfim, esse artigo não tem como função lhe tornar um especialista em middlewares, mas sim fazer uma introdução a um tema que com certeza você ainda ouvirá por aí! Lembre-se que considerando o modelo de referência OSI, a camada de middleware inclui funcionalidades do nível Sessão, nível Apresentação e do nível Aplicação.

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Gabii Fonseca

Mais artigos deste autor »

Gabriella Fonseca Ribeiro tem 21 anos e cursa Sistemas de Informação. Trabalha com desenvolvimento, pesquisa e otimização de websites - SEO, marketing digital, redes sociais e comunicação interativa. || www.eufacoprogramas.com


1 Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">