Transparência: Aspectos significativos sempre visíveis

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Quem aí gosta de expor seus defeitos? Acredito que a maioria não gosta, pelo contrário, a cada dia todos nós tentamos de certa forma escondê-los do mundo…

Quando se trata de projetos a coisa não muda de figura. Os envolvidos tentam o tempo todo esconder seus pontos fracos por motivos variados, em outras palavras, faz parte da natureza humana. Contudo, um projeto que não envolve boa transparência do processo como um todo, pode resultar em um produto fora de conformidade, retrabalho, atrasos no cronograma, custos, etc.

Será que o cliente soube explicitar suas necessidades? Será que a equipe de desenvolvimento realmente entendeu as regras de negócio? Todos estão realmente à par de suas responsabilidades dentro do processo? Estamos no caminho certo?

Um dos pilares do Scrum é a transparência. Resumidamente, ele diz que aspectos significativos devem estar visíveis (dentro de um fator comum de entendimento) aos interessados no resultado. Portanto, praticar esta tal transparência pode incomodar bastante os envolvidos, pois o que não está bom será exposto a todos.

Se o cliente não sabe o que quer, ficará visível para a equipe, se a equipe não desenvolve dentro do esperado, também ficará visível a todos. Dificuldades? Ficarão visíveis! Tudo ficará visível dentro do processo.

“Processo visível, problemas visíveis.”

Sem dúvida, este é um ponto que tumultua, porém, particularmente, vejo nisso sempre uma oportunidade de aprendizado contínuo (outra característica do Scrum), afinal, uma equipe pode aperfeiçoar sua força conhecendo e expondo suas fraquezas, o que podemos considerar aqui como uma boa estratégia para fazer seu time vencer… Por outro lado, reconheço que a cultura da organização envolvida pode fragilizar a transparência dentro do processo, criando certo pavor entre os seus envolvidos ao expor suas dificuldades.

Defendo que a transparência deve ser praticada com ponto de vista construtivo e não destrutivo, mas, infelizmente, muitas organizações/clientes/pessoas podem não ter tanta tolerância a isso, em outras palavras, isso requer uma mudança de postura e que na prática, todos ganham, tudo depende de como você enxerga o processo.

Existem várias oportunidades dentro do Scrum para praticar a transparência, o que pode ser assunto para um próximo post.

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

1 Comentários

José Aymoré Balestrin
1

A omissão de informações e processos, que considerados “sigilosos” ou “privativos” de um nível de hierarquia, também dificultam o desenvolvimento.

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">