Carreira: Quero ser DBA, por onde devo começar?

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Olá pessoal,

No artigo de hoje estou escrevendo para responder uma pergunta que vejo constantemente em fóruns e que recebo por e-mail pelo menos 1 x por semana: Quero ser DBA, por onde devo começar? Onde posso encontrar materiais de estudo? O que devo estudar primeiro? Que cursos devo fazer? Demorei para compilar a resposta, mas finalmente ela está pronta e estarei sempre atualizando o artigo com novas referências e informações úteis.

profissao-dba-como-iniciar-carreira

Bom… para responder a questão, vou dividir a resposta em partes:

1- Quero ser DBA, por onde devo começar?

R.: Antes de começar, descubra se você realmente tem o perfil dessa profissão. Pessoas que tem dificuldade de se concentrar e que não gostam de investir muito tempo em estudos, terão dificuldades ou poderão não se dar muito bem nessa área. A área de banco de dados exige muitos conhecimentos técnicos. Você terá que estudar muito para administrar bem um BD e saber o que fazer quando for necessário. Para entender melhor o que faz um DBA, sugiro a leitura do artigo Tarefas de um DBA – O que faz um DBA? Para saber mais sobre a profissão, sugiro a leitura do artigo A Carreira de um DBA: requisitos técnicos e as diferenças entre os níveis Júnior, Pleno e Sênior e o vídeo Carreira de um DBA X Mercado de Trabalho.

Outro requisito desta profissão, é que o DBA tem que saber trabalhar sobre pressão! Para exemplificar, quando precisamos fazer recuperações de dados, temos que realizar esta tarefa o mais rápido possível e não podemos falhar. Já ouvi muitos relatos de colegas e alunos afirmando que DBAs perderam o emprego quando foram solicitados para executar tarefas críticas e eles não sabiam como fazer ou fizeram com o pouco conhecimento que tinham e pioraram a situação anterior!

 Supondo que agora você já sabe o que faz um DBA e se identificou com a profissão, vamos à dica que eu acho que pode te ajudar: Estude os SGBDs existentes na maior parte das grandes empresasConforme pesquisa do Grupo Impacta que eu cito no artigo Qual é o melhor Banco de Dados: ORACLE ou SQL SERVER?, os Bancos de Dados mais utilizados nas grandes empresas brasileiras, em 2005, eram o Oracle (59%) e SQL Server (53%). Este cenário não mudou muito, pois em uma pesquisa recente de vagas que fiz em 08/2012 no site da Catho (ver artigo A carreira de um DBA), constatei que a maior parte das vagas eram para trabalhar com Oracle, e em 2º lugar, SQL Server. Com uma quantidade muito menor haviam também vagas que exigiam conhecimentos em DB2, Informix, Sybase e MySQL. Diante destes números, a minha recomendação é que você estude primeiramente Oracle ou SQL Server, pois as oportunidades para entrar na área trabalhando com estes SGBDs são muito maiores! Você até pode estudar MySQL ou outro SGBD mais fácil, porém, é mais difícil (e não impossível) você encontrar uma vaga de DBA para trabalhar com eles.

2- Onde posso encontrar materiais de estudo?

R.: As fontes são inúmeras. Pesquise fóruns, blogs, apostilas, livros e documentação do fabricante do SGBD. Conheço vários SGBDs, porém, sou especialista apenas em Oracle, portanto, vou dar sugestões abaixo de como encontrar materiais apenas deste SGBD (só irei recomendar materiais que eu conheço e recomendo pela sua qualidade ou utilidade, e que eu indico para iniciantes):

 a) Fóruns e sites para efetuar pesquisas de dúvidas sobre Bancos de Dados Oracle, em geral:

Os fóruns são fontes de informações muito ricas, é necessário apenas ter tempo e paciência para pesquisar os seus tópicos e aprender algo. Se você não encontrar algo que está procurando, deixe uma mensagem solicitando o que você precisa, que com certeza alguém irá te ajudar. Tome cuidado apenas para não solicitar algo que já tenha alguma resposta, pesquise antes! Eu contribuo com o GPO e Glufke.Net (não com a frequência que eu gostaria, mas pelo menos 1 vez por semana entro neles e respondo algumas questões).

 b) Sites e blogs para pesquisar artigos e materiais sobre Bancos de Dados Oracle, em geral:

Os blogs são ótimas fontes de consulta para pesquisar e aprender sobre um assunto específico com mais facilidade e de forma rápida. Os sites indicados acima contém vasta documentação sobre Oracle Database que não são tão fáceis de entender (pelo menos no início) quanto os artigos de um blog, mas contém muito mais informações!

c) Livros e apostilas:

Quase todos os livros indicados acima eu li e recomendo! Eu só não li o Expert Oracle Database Architecture porque aprendi o que está escrito nele antes de conhecê-lo, porém, recomendo o livro porque alunos me disseram que leram e gostaram!

3- O que devo estudar primeiro? 

R.: A primeira coisa que um DBA deve conhecer é SQL. Estude através de um livro ou faça um curso/treinamento. Recomendo a 2º opção, pois é bem mais fácil começar aprendendo através de cursos/treinamentos. Falo isso por experiência própria. Antes de lecionar cursos oficiais Oracle eu já havia participado dos mesmos cursos como aluno.

Depois de você conhecer bem SQL, estude a arquitetura e administração do Banco de Dados Oracle e, posteriormente, PL/SQL. Eu particularmente aprendi PL/SQL antes de Administração e acho que para mim (que fui Desenvolvedor primeiro) esse foi o caminho mais fácil!

4- Que cursos devo fazer?

R.: Existem opções gratuitas e pagas. Prefira um treinamento ao invés de um curso. Cursos sugerem apenas ver e ouvir. Treinamentos são mais dinâmicos e incluem, além de ver e ouvir, a participação do aluno, o que facilita e agiliza o aprendizado. 

Recomendo a leitura do artigo Treinamentos em Bancos de Dados Oracle: qual escolher e onde fazer? se você quer fazer um treinamento oficial Oracle ou treinamentos especializados em Oracle.

Se você está procurando cursos gratuitos, acesse os links abaixo, porém, não conheço a qualidade deles:

Você quer mais referências? Leia também a questão abaixo que deixaram em 11/02/2013 no fórum GPO:

– Início para ser DBA

Bom pessoal, por hoje é só!

Espero ter ajudado aqueles que querem entrar na área e que estão precisando de alguma orientação!

Artigo original em Blog Fábio Prado

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

10 Comentários

Derli Pereira dos Santos
1

Tenho somente o ensino médio,gosto de estudar mas por vários motivos não pude ir em frente .
Agora que decidi,gostaria de saber se me encaixo em algum de seus cursos.

Fagner
2

Prezado Fábio,

Desculpe mas descordo da forma como respondeu aos questionamentos e desenvolveu seu artigo. Não são qualidades de um DBA concentração e investimento em estudos. Isso é indicado para todas as profissões. Para você se concentrar, você tem que gostar do que faz, seja um DBA, médico, pedreiro, lixeiro, caminhoneiro, açougueiro. Não estude devido a obrigações de mercado de trabalho. Estude para você. Assim você vai gostar do que faz e vai fazer concentrado. Leia sobre assuntos diversos. Fora da sua linha profissional. Isso exercita o cérebro, e ajuda na concentração.

No mundo corporativo todas as pessoas trabalham sobre pressão. Desde quem faz o café até o presidente da empresa. Virou lugar comum alguns profissionais, de diversas áreas, assumirem uma postura superior: “Eu trabalho sobre pressão. Sou melhor que os outros”. Parem com isso. Esse papo é pra recrutador tentar intimidar em entrevista de emprego.

No artigo você fez muito propaganda dos seus artigos anteriores. Parece que estás pedindo pageview. Creio que você não precisa disso. Para enriquecer seu texto, sugiro que faça citações de outros profissionais da área. Isso enriquece a leitura e faz com que seu leitor busque mais os seus artigos. Essa é a melhor forma de ser lido.

Estamos em 2013. Citar pesquisa de 2005 e artigo de Agosto de 2008, tornam seu texto obsoleto. Pesquisas servem para o momento em que foram divulgadas ou para comparativos, o que não foi feito no seu artigo. Você tem os dados desse ano? Desse semestre? Então não mencione pesquisas antigas.
Além disso, sua pesquisa de 2008 foi muito limitada. Utilizar uma empresa de recrutamento para confirmar, através de requisitos de vaga, quais SGBDs são mais utilizados, é pouca fonte para uma afirmação desse porte.

Ficou claro que você gosta de Oracle. Porém o título do artigo menciona “Carreira: Quero ser DBA, por onde devo começar?”. Se você vai falar só de Oracle e indicar somente leituras desse SGBD, mude o título.

Se você não leu o livro, nunca indique. Agora se os seus alunos disserem que aspargos são bons, você vai indicar aspargos aos seus leitores sem ter comido? É complicado né?

Agora uma sugestão ao Jackson Caset: abaixo dos itens a) e b) da pergunta dois (2), foi utilizado o itálico em excesso. Isso torna a leitura cansativa. Sugiro a alteração.

Abraço a todos.

Fábio Prado
3

Fagner, infelizmente é impossível agradar todo mundo. A maioria dos leitores do meu blog entram em contato comigo e gostam dos artigos que eu escrevo. Vou tentar justificar as coisas aqui só por questões de princípios, mas pelo teor da sua resposta acho que vai ser em vão! De qualquer forma, não posso deixar de responder!

Qdo eu comento sobre concentração e estudos, tenha certeza de que eu não quis falar que isso é qualidade de DBA, eu nem cito a palavra qualidade, eu cito a palavra quesito, e sabe pq eu cito isso? Já trabalhei em muitas empresas, comecei como Analista de Suporte e trabalhei em várias como Analista/Desenvolvedor, e hoje, como DBA vejo que esta profissão exige mais estudos e concentração que as anteriores, OK? Qto ao estudar, o importante é estudar aquilo que vc gosta, e isso que vc falou, eu também digo em palestras sobre a Carreira de um DBA, que vc pode conferir em um vídeo que disponibilizo no meu blog!

Qto à pressão, tenha certeza de que a pressão sobre o trabalho de um DBA é muito maior do que a pressão sobre aquele que faz o café ou sobre o Analista de Suporte, por exemplo, por isso cito isso! Se vc ler mais artigos sobre DBA verá que todos que comentam sobre essa profissão falam a mesma coisa sobre estudos e pressão, não é algo que somente o Fábio Prado diz. Pesquise mais!!!

Qto às citações de outros artigos meus, este artigo foi a compilação deles, por isso a citação deles. Se vc verificar com mais calma, verá que em outros artigos existem referências externas no final.

Qto ao mencionar somente Oracle, está bem claro que várias dicas são gerais e serve para qq SGBD, mas quando tenho que indicar algo mais técnico, só indico Oracle porque é o único BD em que sou especialista, isso está claro no artigo.

Bom, de um modo geral, eu acho que vc não soube interpretar bem o texto, mas vc tem todo o direito de criticar, eu só gostaria que você fizesse isso com mais coerência ao invés de pegar um taco de beisebol e sair batendo em todo mundo na rua. O mundo não existe só para você e ninguém tem culpa se o seu dia não foi bom!

[]s

Fagner
5

Prezados Fabio,

Obrigado pelo retorno e pelas palavras de entusiasmo. Gostaria de lembrar você: quando se escreve e publica, não é sinal de sucesso e aplauso.
Saiba lidar melhor com as críticas.
Abraço e boa semana.

Fábio Prado
6

Fagner, você escreve e argumenta bem, mas a sua resposta teve muitas conclusões precipitadas, por isso, a crítica me pareceu ser mais destrutiva do que construtiva! Parecia a resposta de alguém que estava com raiva e por causa da raiva, leu o texto rapidamente e não conseguiu entender o que realmente estava escrito!

Ninguém gosta de crítica destrutiva! Alguns comentários que você escreveu aqui foram bons, mas você precisa analisar melhor a situação e dar um feedback de uma forma mais amigável, para a crítica ser efetivamente construtiva!

Olhe abaixo um exemplo de crítica construtiva (sem conclusão precipitada) que tirei de outro artigo que escrevi aqui no PTI, com a minha resposta agradecendo-a:

Rodrigo Renie
20 de maio de 2013 às 10:12
Excelente iniciativa, mas realmente é necessário uma amostragem maior para ter dados mais exatos.
Quanto ao fato de 83% não pretendem sair do ramo de TI no próximos 10 anos e, por isso, é uma área boa de se trabalhar, não achei a conclusão necessariamente correta. Em qualquer área, boa ou ruim, quem se dedica nela (faz faculdade, pós, especialização, etc) com certeza não vai jogar tudo fora para começar a vender coco na praia.
O fato de eu não pretender sair de TI não necessariamente significa que é uma área boa de trabalhar, e sim porque não quero desperdiçar os últimos 8 anos de estudos da minha vida.

Fábio Prado
20 de maio de 2013 às 10:27
Rodrigo Renie, ótimos comentários! Eu mesmo não mudaria de área para não jogar fora todo a experiência e conhecimentos que adquiri por mais de uma década. Na próxima pesquisa que farei em conjunto com o PTI seu comentário servirá de base para a conclusão!

[]s

Matheus Pergher
7

Bom dia Fábio.

Sou estudante de Gestão de TI e tenho conhecimentos básicos em banco de dados Oracle e SQL. Pretendo buscar conhecimentos e vir a ser um DBA Oracle, nota 10 o teu artigo.

Muito Obrigado.
Sds.
Matheus Pergher.

Bruno
10

Concordo sim com a parte da pressão ser muito grande, acima de outras áreas da informática e até de outras profissões, quando um servidor que controla transações do Brasil inteiro está parado e precisando ser reativado, cada segundo é vital. Agora pelo tema do artigo, fiquei esperando maiores informações sobre o SQL Server.

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">