NTP (Network Time Protocol) – A Impotância do Sincronismo de Horário em sua Rede

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

O protocolo NTP (Network Time Protocol) é utilizado para sincronizar o horário dos relógios de equipamentos e computadores de uma rede, sendo hoje aceito como protocolo padrão na internet para sincronismo de horário. Os servidores NTP utilizam o  UTC (Coordinated Universal Time), que é o fuso horário de referência a partir do qual se calculam todas as outras zonas horárias do mundo. A hora UTC é uma medida derivada do TAI (Tempo Atômico Internacional).

ntp-network-time-protocol-hora-horario

Manter o horário dos equipamentos da sua rede sincronizados é muito importante, pois a falta de sincronismo pode causar uma série de problemas, tal como receber a resposta de um e-mail 2 minutos antes de tê-lo enviado. Outro exemplo está no sistema de controle de tráfego aéreo, que precisa de um sincronismo muito preciso para poder estabelecer o posicionamento e auxiliar na alteração de rota das aeronaves. Uma série de mecanismos de segurança dependem do sincronismo de horário para funcionar adequadamente. Imagine o servidor que hospeda os certificados expirados de uma CA (Certificate Authority) ficar com horário atrasado.

Tanto os clientes como os servidores podem utilizar o protocolo NTP. Seu funcionamento é bem simples: o cliente faz a requisição de hora para o servidor, o cliente calcula o tempo de resposta dessa requisição e consegue determinar qual a hora correta do servidor. Como regra geral são necessárias 6 requisições de hora em 10 minutos para ajustar o relógio (hora, minuto, segundo, milissegundo) do cliente. Uma vez sincronizado, o cliente faz uma solicitação a cada 10 minutos ao servidor NTP.

É comum que os países tenham uma entidade responsável por determinar o horário correto. No Brasil essa responsabilidade é do Observatório Nacional que, em parceria com o NIC.br, distribuem gratuitamente (via Internet), através do NTP.br, a hora certa no Brasil. Abaixo você encontra a lista de servidores NTP que você pode utilizar:

  • a.st1.ntp.br
  • b.st1.ntp.br
  • c.st1.ntp.br
  • d.st1.ntp.br
  • a.ntp.br
  • b.ntp.br
  • c.ntp.br
  • gps.ntp.br
  • pool.ntp.br

No site da NTP.br você encontra o passo a passo de como configura o cliente NTP no WindowsMACLinux e em Roteadores.

Clique aqui e veja um vídeo tutorial feito pela NIC.br sobre “Importância e Funcionamento do Sincronismo de Tempo na Internet e do NTP”.

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Marcos Reis

Mais artigos deste autor »

Profissional de Tecnologia da Informação com experiência nas áreas de infraestrutura, gerenciamento de projetos, gerenciamento de pessoas, concepção e operação de ServiceDesk. Tenho certificações na área de TI, sendo elas: ITIL, COBIT, ISO/IEC 27.002 e MCP Microsoft. No momento sou Gerente de Infraestrutura na Tecnomapas, onde minha equipe é especializada em dar suporte a ambientes computacionais complexos, com diversos hardwares (DELL, IBM, HP, EMC) e soluções de softwares (VMWare, Hyperv, Oracle, SQL Server, ArcGIS Server, BackupEXEC).


Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">