Os Feriados de 2014 Influenciam as Licitações de TI?

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

“Mercado de TI para 2014 – Carnaval, Copa do Mundo e Eleições preocupam empresários do setor de TI por conta da redução de dias úteis para negócios, além da suspensão das compras de tecnologia pelos governos federal e estadual a partir de abril.”

licitacoes-governo-compras-tecnologia

Li um artigo nesta semana falando isso, e pensei:

Realmente qualquer pessoa hoje pode causar pânico sem um bom motivo. Por isso o rolezinho e tantas outras coisas viralizam na net.

É só colocar palavras como: acredito que, acho que, pelas suas projeções, cenário atípico com previsões negativas, sem expectativa de mudança, etc.; que teremos uma notícia de impacto para chamar a atenção de leitores ansiosos por saber o que pode dar errado no seu empreendimento.

Mas, eu gostaria de chamar atenção para alguns fatos antes de dar crédito ao que foi escrito.

Partindo do princípio que crédito de notícia tem que ser dado por fatos ou estudos conclusivos; do contrário, já vivemos um apocalipse zumbi, fim do mundo, invasão extraterrestre e qualquer previsão ruim para todo segmento de negócios no Brasil.

Se bem que talvez a grande preocupação de muitos seja: “Ficaremos sem net? Não poderemos compartilhar fotos do fim do mundo no Facebook?”.

Fora tudo isso, podemos pensar na realidade e no que exatamente deve ser o foco de qualquer empresário: qualquer produto ou serviço que você irá vender, é baseado numa simples transação: VOCÊ E SEUS CLIENTES.

  • você vende;
  • ele te dá o dinheiro;
  • e você entrega algo em troca.

“Sério Valéria? Descobriu a roda hein?!”

E é por isso que qualquer previsão ou notícia levanta questões como: ninguém vai investir no país, não é bom estocar mercadoria, vamos estocar muita mercadoria, melhor vender a empresa, vou tentar um concurso público, etc.

Melhor é ter prudência e analisar o encaixe de cada notícia dentro do cenário das licitações de TI, para não perder oportunidades de bons negócios neste ano.

Então vamos considerar algumas observações para os eventos previstos para 2014:

1º: O CARNAVAL

Só tenho 2 perguntas:

  1. Se o ano só começa no carnaval, o que você e sua equipe pretendem fazer com o SEU PATRIMÔNIO no período de 02 de janeiro a 01 de março de 2014?
  2. Quantos dias tem o carnaval?

Enquanto você espera, empresas que fizeram um planejamento estratégico para 2014 já estarão executando suas metas para o primeiro semestre do ano.

Para empresas com objetivos reais o carnaval só acontece durante o carnaval.

2º: COPA DO MUNDO

Normalmente nós temos 9 feriados nacionais. Mas em 2014 poderemos ter mais feriados por causa da Copa do Mundo.

Com jogos em 11 capitais e no Distrito Federal. Na fase inicial do torneio estão garantidos três jogos da Seleção Brasileira de Futebol em dias úteis:

  • 12/6 (quinta-feira);
  • 17/6 (terça-feira;
  • e 23/6 (segunda-feira).

Caso seja aplicada a Lei Geral da Copa e nossa seleção ganhe tudo (Vai lá Brasil!) até a fase final da competição, serão mais quatro jogos, e teremos mais um jogo do Brasil em dia útil, já na fase semifinal, dia 8 ou 9 de julho.

Mas ainda não há definição quanto a estes feriados e é bom saber que em 2014 teremos poucos feriados em dias úteis no 2º semestre.

3º: ELEIÇÕES

Vamos observar um trecho da notícia mencionada no início:

“…além da suspensão das compras de tecnologia pelos governos federal e estadual a partir de abril.”

Este trecho por acaso quer dizer que os serviços prestados pelo governo (federal e estadual) à população poderão continuar de abril de 2014 até a posse do eleitos, em janeiro de 2015, sem a contratação de novos serviços e produtos de TI por 8 meses?

Até agora ainda penso que esta notícia pode ser um mal-entendido. Do contrário seria o mesmo que afirmar que:

  • Não enviaremos emails, e sim cartas pelos correios como era bem antes da geração Y nascer (a Anatel perderá sua função);
  • Sistemas de atendimento à população seriam substituídos por senhas e formulários em papel (por falta de manutenção de software e equipamentos);
  • O SERPRO, a estatal de processamento de dados do governo federal, deverá esperar até 2015 para qualquer aquisição;
  • etc.

Pensando bem, seria o fim do mundo voltar a 20 anos, mesmo que por apenas 8 meses, caso o governo deixasse de comprar os  serviços e produtos de TI.

Se assim fosse, vamos passar a odiar carnaval, copa do mundo e eleições… Se bem que a 3ª opção não é a mais amada em nossa pátria.

O Carnaval tem todo ano e, normalmente, a cada 4 anos soma-se a este evento a Copa do Mundo e as Eleições.

“Mas Valéria este ano é diferente: a eleição é para presidente, governador, deputado federal e estadual. Você sabia?”

Segundo o link:  http://www.tre-ms.jus.br/eleicoes/eleicoes-anteriores, isso acontece desde o início das eleições diretas em 1994, como previsto em lei.

Se quisermos comprovar como o mercado de compras governamentais se comportou em uma situação semelhante, podemos tomar como exemplo o ano de 2010 através deste arquivo DADOS_GERAIS_DW_2010 (COMPRASNET – Portal de Compras do Governo); o qual chega a demonstrar crescimento no ano de 2010 das compras governamentais (como exemplo a esfera Federal). Outros estudos também podem ser encontrados no link http://www.comprasnet.gov.br/.

Portanto, a  administração pública continuará comprando, até porque não existe qualquer vedação ao agente público para instaurar processo licitatório no período eleitoral para compra de bens ou contratação de serviços.

A Lei nº 9.504/97 estabelece que não há qualquer vedação legal que impeça a Administração Pública de realizar licitações em ano eleitoral, ressalvadas aquelas hipóteses (despesas com publicidade maior que a média dos últimos anos) do art. 73, bem como a realização de despesas nos últimos dois quadrimestres QUE NÃO possam ser cumpridas dentro do exercício.

Neste caso, obviamente, esta restrição se refere  à esfera de governo (União, Estados, DF e/ou Municípios) que se encontra em período de sucessão eleitoral.

Portanto, podemos dizer que haverá redução de lucros, da mesma forma que podemos dizer que algumas empresas fecharão suas portas, outras farão ótimos negócios, outras crescerão na média, ou que você vai esquecer o aniversário da sua namorada novamente.

Para quem não sabe como é o mercado de licitações e/ou quer saber mais sobre este mercado em todo o Brasil através de conteúdo gratuito, faço aqui meu convite para conhecer meu site http://www.weblicitacoes.com.br/ e comprovar como pode ser fácil encontrar oportunidades de negócios para sua empresa.

Imagem por gary yim / Shutterstock.com

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Valéria Costa

Mais artigos deste autor »

Fundadora e autora de conteúdo do site http://www.weblicitacoes.com.br, um projeto para todos que trabalham com Tecnologia da Informação e que vendem ou gostariam de vender para o Governo através das Licitações. O conteúdo costuma ser direto e informal porque... eu quis assim. Você também vai encontrar uma ferramenta prática para ficar sabendo das licitações em todo o Brasil exclusivamente para TI. Acesse e faça bons negócios.


Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">