Vamos Planejar? #7: Construa seu Plano de Gerenciamento do Escopo

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Leia também: Parte 1, Parte 2, Parte 3, Parte 4Parte 5, Parte 6

Antes de começar a planejar o gerenciamento do escopo do seu projeto, certifique-se de que você entende e sabe como gerenciar projetos. O curso gratuito de gerenciamento de projetos e preparatório para certificação CAPM que ofereço no Site Campus está pronto e é só começar. Você não precisa pagar nada para aprender e ir além em sua carreira. Comece agora!

gestao-projetos-serie-artigos

Chegou a Hora de Construir Seu Plano de Gerenciamento de Escopo

O que deve estar contido em um plano de gerenciamento de escopo?

  • O processo de preparação da espeficiação detalhada do escopo do projeto;
  • O processo de habilita a criação da EAP a partir da especificação detalhada do escopo do projeto;
  • O processo que estabelece como a EAP será mantida e aprovada;
  • O processo que especifica como será obtida a aceitação formal das entregas do projeto concluídas; e
  • O processo para controlar como as solicitações de mudança na especificação do escopo do projeto detalhada serão processadas. Este processo está diretamente ligado ao processo Executar o controle integrado de mudanças.

Não Se Esqueça do Plano de Gerenciamento de Requisitos…

Não podemos esquecer também do plano de gerenciamento dos requisitos, outra saída importante do processo de planejar o gerenciamento do escopo. Este plano deve conter os seguintes elementos:

  • Como as atividades dos requisitos serão planejadas, rastreadas e relatadas;
  • Atividades de gerenciamento da configuração tais como: a maneira como as mudanças do produto serão iniciadas, como os impactos serão analisados, rastreados e etc.;
  • Processo de priorização dos requisitos; e
  • Outros (…)*.

*Outros: a gestão da matriz de rastreabilidade cobre quaisquer ausência no plano de gerenciamento dos requisitos.

Plano de Gerenciamento do Escopo

As recomendações são apenas exemplos de questionamentos a serem feitos no momento da criação de um plano. Para mais detalhes recomendo a leitura do PMBoK.

  • Detalhamento do Escopo do Projeto
    • Como a declaração do escopo do projeto será elaborada? Quem são os responsáveis pela elaboração e quem são os responsáveis pela aprovação da declaração? Como será incorporada a declaração de escopo a matriz de rastreabilidade dos requisitos? As premissas e restrições serão apresentadas de que forma e, principalmente, serão absorvidas de que origem/fonte? A declaração de escopo preliminar foi feita e precisará ser absorvida?
  • Criação e Manutenção da EAP
    • Quem será, na equipe, o responsável pela criação da EAP? Quantos níveis terá a EAP? Será adotada a construção progressiva (elaboração) do escopo? Qual ferramenta será utilizada para a construção e qual será o estilo adotado? Existe uma forma padrão de construção tendo por base os ativos de processos organizacionais?
  • Processo de Validação e Controle de Escopo
    • Quem validará quais requisitos, como? O controle do escopo será feito a partir da utilização de ferramentas de análise de variação? Quais ferramentas? Como será a relação do controle do escopo com o controle integrado de mudanças?

Plano de Gerenciamento dos Requisitos

  • Criação e Manutenção da Matriz de Rastreabilidade
    • Qual o template/padrão da matriz? Quais serão os elementos apontados na matriz? Quem fará a atualização dentro da equipe do projeto?
  • Priorização dos Requisitos
    • Como serão priorizados os requistos? Qual sistema de peso será utilizado? Que técnicas serão empregadas?

Em outros artigos, construirei planos mais completos, mas em algumas áreas de conhecimento é complicado colocar em apenas um artigo a construção de um plano completo. Conte comigo para tirar suas dúvidas!

E aí, como está ficando seu plano de gerenciamento de projetos? Compartilhe aqui, no Profissionais TI, sua evolução.

Caso precise de mais conhecimento, comece a fazer agora o curso gratuito de gerenciamento de projetos e preparatório para a certificação CAPM que ofereço no Site Campus. É de graça e pode ser utilizado como educação formal para sua certificação.

Leia também: Parte 1, Parte 2, Parte 3, Parte 4Parte 5, Parte 6

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

2 Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">