Por que você deve aprender Linux hoje

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Dice, um dos maiores sites internacionais para profissionais das áreas de TI e Engenharia, junto com a The Linux Foundation, a organização sem fins lucrativos que mantém o sistema operacional do Pinguim, divulgaram, no primeiro trimestre de 2014, seu relatório de ofertas de trabalho para Profissionais Linux (pdf, em inglês). Através deste relatório, é possível notar um grande aumento na demanda por profissionais especializados nesse sistema operacional, principalmente para Suporte e Infraestrutura.

E a demanda deve ir muito além dessas duas áreas. Com a grande adoção do Linux como ferramenta de trabalho em muitas empresas, a busca por profissionais da área de Desenvolvimento de Software que usem esse sistema também aumenta, gerando muitas oportunidades de trabalho, tanto no Brasil quanto no exterior. De acordo com a pesquisa, as áreas onde mais foram buscados profissionais incluem:

  • Administração de Sistemas (SysAdmin): 58%;
  • Desenvolvimento de Aplicações Linux: 45%;
  • Arquitetura/Engenharia de Sistemas: 45%.

Essa busca por profissionais especializados fez os salários aumentarem. Porém, não apenas o dinheiro está tornando esses profissionais satisfeitos. Mais de 4 mil profissionais Linux foram questionados sobre realização no trabalho. Eles disseram que a melhor coisa de trabalhar com Linux é que eles trabalham com projetos interessantes. A segunda foi “trabalhar com as tecnologias de ponta do Mercado para resolver desafios”. Já a terceira foi o maior número de oportunidades de trabalho. A pesquisa concluiu que esses profissionais realmente amam o que fazem, e terão muitas oportunidades para colocar em prática essa paixão.

Ampliação da equipe da The Linux Foundation

Em nota oficial de dezembro de 2014, a The Linux Foundation divulgou que está aumentando o número de colaboradores devido ao grande crescimento e adoção do Linux. O objetivo é fornecer um software ainda melhor e estável, além de suporte especializado.

Isso mostra a preocupação das organizações e empresas em manterem e aprimorarem os Sistemas Linux.

Linux nas Empresas

Muitas empresas investiram em aplicações Linux e soluções opensource para garantir maior segurança e estabilidade. No quesito Servidores, o sistema do Pinguim tem presença muito superior à do Windows.

Implantações de aplicações Linux aumentaram durante os últimos 4 anos, de 65% para 79%, enquanto a implantação do Windows caiu de 45% para 36%.

Este dados são de uma pesquisa somente para convidados do The Linux Foundation’s Enterprise End User Council, com empresas e organizações que tenham vendas mínimas de US$ 500 milhões ou com, no mínimo, 500 funcionários. Isso inclui empresas como Morgan Stanley, Goldman Sachs, Bank of America, Bristol-Myers Squibb, NTT, Deutsche Bank, DreamWorks, ADP, Bank of New York, NYSE, NASDAQ, Goodrich, MetLife, e AIG.

O Linux tem sido a plataforma de escolha para diversas empresas. Mais de 87% migraram para ela em 2014 e 82% possuem planos para adicionar ainda mais servidores Linux em 2015. Mais que isso, a adoção do Pinguim aumentou, enquanto a implantação do Windows continua caindo.

Linux e o Futuro

Em um artigo para o Linux Magazine, Cezar Taurion (escritor do Livro Cloud Computing – Computação em Nuvem), disse que Cloud Computing é irreversível e, em pouco tempo, o termo Cloud Computing passará a ser apenas Computing, já que toda a Computação será em nuvem.

Se isso será fato ou não, só o tempo dirá. Porém, é incontestável que grande parte dos softwares estão migrando para a nuvem. E a maioria dos servidores em nuvem também rodam Linux. Logo, o futuro da computação em nuvem está fortemente ligado ao Linux.

E o sistema do Pinguim ainda é a melhor opção para a Computação em Nuvem. 75% das empresas usam Linux como plataforma de nuvem. Por outro lado, apenas 24% usam o Windows na nuvem, e menos de 2% usam Unix.

próprio CEO da Microsoft, Satya Nadella, recentemente declarou seu amor pelo Linux. Empresas consideram o Linux superior na objetividade, na segurança e no custo.

Dicas Para Se Especializar em Linux

Existem vários cursos de Linux, desde os voltados para os mais iniciantes até os voltados para os mais avançados. Porém, poucos focam em algo que é um grande diferencial de sistemas Linux e Unix-Like (isso inclui o Mac OS X também): linha de comando.

A maioria aborda os comandos de forma bem superficial. Seja por falta de conhecimento do instrutor, por falta de vontade dos alunos ou falta de tempo.

Existe uma grande vantagem em saber usar os principais comandos: agilizar e automatizar tarefas. É muito prático realizar tarefas repetitivas do dia-a-dia utilizando comandos e Shell Scripts.

Eu escrevi um pequeno curso no meu blog, dividido em dois módulos. No primeiro, mostro os principais comandos do Linux. No segundo, abordo a criação de Shell Scripts, quais são suas estruturas etc.

Caso você já use Linux e tenha interesse em descobrir como agilizar suas tarefas diárias, veja estes dois posts:

Se você já trabalha com Linux, deixe suas impressões sobre o mercado abaixo. Se você deseja trabalhar com Linux e tem alguma dúvida, comete abaixo também! :)

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Roberto Beraldo

Mais artigos deste autor »

Graduado em Ciência da Computação, pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Trabalha com Desenvolvimento WEB, principalmente com PHP.


9 Comentários

José Ferreira Netto
1

excelente artigo… publiquei-o num grupo que administro no Facebook, sobre Linux, com quase 6 mil usuários… e também no meu perfil. Uso Linux desde 2006 e cada vez mais feliz por ter abandonado o “outro” sistema,

Eduardo
2

Uso Linux a algum tempo e sempre gostei mais dele do que da “janela” por vários motivados.
Mas quero me especializar nessa área, vejo que infelizmente, os cursos oferecidos no mercado, te preparam apenas para a certificação, não te ensinam a dominar o sistema.
Teria alguma dica de como aprender de verdade a usar o Linux a fundo?
Obrigado

Anderson
4

Quero me especializar nessa área, vejo que infelizmente, os cursos oferecidos no mercado, te preparam apenas para a certificação, não te ensinam a dominar o sistema.
Teria alguma dica de como aprender de verdade a usar o Linux a fundo?

Roberto Beraldo Chaiben Autor do Post
5

Obrigado, José Ferreira Netto. Espalhe o artigo mesmo. Vamos cuida bemr do futuro da TI :)

Eduardo, eu aprendi na prática, no dia-a-dia. Principalmente porque a UFPR só usa Linux. Acho que é a melhor forma de aprender. Pelo menos para mim funciona bem :)

Hugo
7

Trabalho com Linux desde 2003, tenho certificações que inclui a RHCE (Red Hat Certified Engineer).

O Linux está sim presente em vários servidores, porém, não estou vendo o salário acompanhar.

Tenho meu currículo cadastrado em vários sites e a faixa salarial para Especialista Linux / Linux Sr. está muito baixo.

Thiago
8

Trabalhei com Linux por mais de 10anos, dedicado e focado como sysadmin, porém pude ver que o mercado não paga bem os especialistas, por isso virei generalista e trabalho com diversas tecnologias de Infra de Redes.
Sugestões pros mais novos, não sejam xiitas e estejam sempre abertos e tb preparados para novas tecnologias, oportunidades, desafios e mudanças.

Adauto
9

Consigo tirar vários coelhos da cartola com o Linux, resolvendo problemas de forma rápida e flexível, mas infelizmente a empresa onde trabalho não valoriza isso. O conhecimento que obtive com esse sistema operacional é imenso, principalmente na área de redes, e sempre constante.

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">