Reeducação Lógica

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

O assunto pode até parecer tema de ficção científica, mas faz parte da nossa realidade absoluta e está presente no dia-a-dia de todos. Prefiro ainda trabalhar com a Educação Lógica, foco de toda linha de estudo que venho desenvolvendo, mas ao apresentar esta metodologia para pessoas já formadas, pude perceber que os resultados ainda são impressionantes. Reeducar o pensamento lógico de uma pessoa requer uma série de cuidados que não são necessários com as crianças e vou explicar isto rapidamente mais adiante, mas é extremamente recompensador se pensarmos nas melhorias proporcionadas por esta metodologia.

Imagem via Shutterstock

Imagem via Shutterstock

Um oceano de diversidades

Comecei a lecionar para alunos do PRONATEC em maio deste ano e encontrei uma oportunidade excelente para aplicar um mar de conceitos que venho estudando sobre a importância do ensino da Lógica de Programação. Este é um programa do governo federal que oferece o ensino técnico para pessoas formadas no Ensino Médio e que tem universidades particulares em parceria, onde leciono. São pessoas das mais diversas classes econômicas e condições culturais. Esta diversidade permite compreender que, independente de ser um jovem recém formado, um homem acima dos 50 anos ou uma dona de casa formada no ensino médio a mais de 20 anos, as pessoas assimilam a metodologia de forma muito tranquila e acabam obtendo melhor aproveitamento em tudo o que fazem.

Em outras palavras, trabalhar com estas faixas etárias serviu para comprovar a eficiência da metodologia e da importância em exercitar o cérebro humano a qualquer tempo com atividades simples mas que estimulam e treinam o raciocínio lógico.

Lógica não é apenas para programadores

É tolo aquele que pensa diferente disso. Eu poderia passar horas exemplificando que um bom e rápido raciocínio lógico pode ser a diferença entre viver ou morrer. Raciocinar corretamente e rapidamente são características que nada mais são do que tomar a melhor decisão em poucos segundos (ou fração de segundo). O ser humano vive diariamente situações onde precisa tomar decisões sem que tenha consciência de que está fazendo escolhas. Desde situações banais como as compras do mês, escolha de um carro, trocar o filho de escola e, até mesmo situações extremas como escolher uma ação rapidamente para evitar um acidente no trânsito. Como você pode perceber, em nenhum momento eu falei sobre computação ou linguagens de programação.

É exatamente neste ponto onde quero chegar. Exercitar a Lógica é benéfico para todas as áreas de atuação do ser humano e pode começar a ser trabalhada antes mesmo da alfabetização da criança! Os ganhos são imensuráveis quando aplicada a metodologia adequada e na medida certa, a cada estágio de amadurecimento da criança. Inclusive melhora o desempenho nas demais disciplinas, aumentando o poder de concentração e entendimento.

Juntando o que expliquei brevemente, até aqui, com as tendências tecnológicas da humanidade, onde a programação deixará de ser uma carreira específica e passará a ser um conhecimento natural do ser humano como somar 1 + 1, fica evidente a importância da inclusão da Lógica de Programação na grade curricular desde o Ensino Fundamental.

Educadores preparados

Muitas pessoas acabam fazendo confusão quando falo a respeito deste assunto. Para ensinar pessoas a trabalharem melhor a Lógica não basta colocá-las diante de um computador e passar o mesmo material didático. Trocar cadernos e livros pelo computador vai muito além disso. Requer educadores preparados e conscientes de uma nova didática e novos meios aprendizagem. Criar uma nova cultura em torno do mundo digital para que as pessoas tenham condições de tirar o melhor aproveitamento possível destes recursos.

No Uruguai, por exemplo, fiquei muito surpreso com a maneira com que este assunto é tratado. As crianças da rede pública, no primeiro ano, recebem seu material: um notebook. Este equipamento é dado, juntamente com todo o trabalho de conscientização e ensino de manuseio porque será o único material da criança durante o ensino fundamental. Este é um excelente trabalho de inclusão digital e que vai preparar as crianças para o mundo que as espera, mas, acredite, isto não é o suficiente.

Fornecer um notebook para a criança não significa que está trabalhando seu poder cognitivo e desenvolvendo as habilidades do raciocínio lógico. Um novo conteúdo precisa ser criado e agregado a tudo isso para que a criança tenha, além de se familiarizar com a informática, a Educação Lógica que, na minha opinião, tem maior relevância.

Neste segmento é que entram os novos educadores. Profissionais que ainda precisam ser preparados para lidar com esta educação, esta nova didática. As crianças do futuro têm grande potencial a ser explorado mas sem os educadores necessários, serão como pequenos gênios sem o estímulo correto. Este, certamente, é um dos maiores causadores do desinteresse das crianças pelos estudos. Nossas escolas se tornaram obsoletas e desinteressantes. As crianças não têm mais um desafio porque a atual proposta de educação é fraca demais para o atual poder cognitivo das crianças. Então está mais do que na hora de reformular nossa grade curricular e capacitar melhor as crianças. Aprender matemática, português, história, geografia, química, biologia e demais disciplinas que nos são familiares deixaram de preencher as expectativas dos nossos jovens. Os desafios da nossa moderna vida cotidiana exigem mais de cada um de nós e manter o jovem interessado na escola é a única maneira de garantir que estarão aprendendo o que é correto.

Um projeto sério: Code.org

Desde que comecei minha jornada em levar a lógica de programação para as crianças, poucos projetos interessantes e realmente eficazes eu pude contar. No entanto, quando conheci o pessoal do Code.org, senti que a iniciativa era fantástica. Grandes empresas, aos poucos, passaram a apoiar o projeto, além de grandes personalidades do mundo. Mas o projeto ainda não tinha endereço certo no Brasil e achei um desperdício deixar nosso país fora. Entrei em contato com os organizadores e me ofereci para traduzir o projeto para a língua portuguesa (pt-BR) e assim demos início ao trabalho sem nenhuma pretensão a não ser disseminar este conhecimento entre as crianças no Brasil.

codeorg

Felizmente outras pessoas entraram para a equipe de colaboradores no Brasil e hoje somos a equipe mais intensa e dedicada a trazer todo o conteúdo para o idioma pátrio. Hoje sou coordenador de interpretação e tradução no Brasil, responsável por revisar todo material antes de ser publicado oficialmente. Conto com a colaboração de muitas pessoas e novos coordenadores devem surgir para que o trabalho possa ser dividido e feito com melhor qualidade, mas o importante é oferecer ao brasileiro a oportunidade de estar em contato com esta nova didática gratuitamente.

Deixo o convite para todos que queiram participar e fazer o curso gratuitamente em minha turma aberta especialmente para participantes da internet. Hoje, todos meus alunos do PRONATEC estão inscritos e participam ativamente dos treinamentos e exercícios de lógica que são muito empolgantes e instigam os alunos a querer avançar cada vez mais. Infelizmente a página de inscrição ainda não foi publicada em português, mas vou deixar um passo-a-passo para que possam ingressar.

Acesse através do endereço: code.org/join

Vai surgir uma janela solicitando um código de 6 caracteres para que ingresse em uma turma existente. Informe o código da minha turma: CCSZUU

code-org-cadastro-12

Ao confirmar clicando em “Go”, você será direcionado para uma janela onde deverá preencher seus dados cadastrais, conforme a imagem seguinte:

code-org-cadastro-2

Informe o seu nome completo (que constará no seu certificado, portanto evite apelidos), nome de usuário (que deve ser único, sem espaço ou pontuações), senha e confirmação da senha (que devem seguir os critérios de segurança impostos pelo site), gênero (masculino ou feminino) e sua idade. Em seguida clique em “Register” e, se tudo estiver de acordo, você será direcionado para uma janela de dashboard parecida com esta:

code-org-cadastro-3

Pronto! Agora você pode fazer todas as atividades e participar conosco deste projeto no desenvolvimento do raciocínio lógico. Fique à vontade para divulgar e convidar amigos e parentes a participar da nossa turma!

Abraço e bons estudos!

Publicado originalmente em Blog Andrey Kurka

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Andrey G Santos

Mais artigos deste autor »

Executivo com mais de 20 anos de experiência em tecnologia e negócios, considerando desenvolvimento de sistemas, arquitetura, infraestrutura tecnológica, operações e suporte, com carreira desenvolvida em empresas dos segmentos: Atacado, Varejo, Logística, Seguros e Telecomunicações.


6 Comentários

Bruno
1

Andrey, ótimo artigo. O conteúdo do site é destinado a crianças a partir de qual idade? Pergunto isso pois quero instruir algumas crianças no mundo da lógica de programação.

Andrey G SantosAndrey G Santos Autor do Post
2

Obrigado Bruno! Agradeço também ao Jackson que se interessou em republicar este artigo aqui no PTI, sempre preocupado em levar à vocês o que tem de mais atual na área de TI.

O conteúdo do curso que postei neste artigo é destinado à crianças do Ensino Fundamental I e II (desde alfabetizados até o 9º ano), mas aplico este mesmo curso para o Ensino Médio do Pronatec, onde leciono, com resultados muito bons!

O curso se aplica a adultos que queiram ingressar no mundo da Lógica de Programação e contribui para desmistificar os primeiros passos (normalmente os mais difíceis).

Recomendo o curso para qualquer pessoa que saiba ler e escrever. Se achar interessante, posso criar uma sala especial para crianças ainda não alfabetizadas, que traz um curso mais lúdico e não requer e-mail e senhas escritas.

Fique à vontade para entrar em contato comigo através dos canais que disponibilizo.

Quanto mais crianças você encaminhar na Lógica de Programação, tenha certeza que estará contribuindo para um futuro muito próspero para todos.

Abraço!

Jackson CasetJackson Caset
3

Conteúdos TOP como este merecem destaque. Parabéns, Andrey!

Conte com o PTI sempre que desejar compartilhar seus ótimos artigos.

Obrigado. Abraço!

Cássio Felipe
4

Parabéns Andrey, tanto pelo artigo quanto pela iniciativa.
É um excelente assunto e temos muito a descobrir e a aprender sobre isso. O raciocínio lógico é o que nos ajuda a tomar decisões e decisões são necessárias não só na área profissional, mas também na vida pessoal e social. Tolo aquele que encarar isso como benéfico somente à área da tecnologia.
Parabéns

Arjun Fiala
5

É notável que as crianças de hoje tem uma percepção superior a lógica do que as crianças da minha época, hoje me surpreendo com meu filho de apenas dois anos se comunicando como uma criança de cinco e acredito que com um modo disciplinar moderno e que force a lógica natural dessas crianças podemos ter incríveis resultados, espero que tenha oportunidade de apresentar o seu projeto a pessoas com poderes maiores, que possam colocar em todas as redes de ensino do nosso país e quem sabe até do mundo…

Andrey G SantosAndrey G Santos Autor do Post
6

Arjun e Felipe,

Trabalhar o potencial não somente das crianças como, também, dos adultos tem sido uma experiência única. Saber que o ser humano não explora sequer 10% do seu potencial é desanimador. Vejo isto com nossas crianças onde sentem-se entediadas sem um desafio a altura. Meu avô brincava de guiar as formigas com areia, meu pai brincava com peão de madeira, eu brincava com vídeo game e minha filha, com 11 anos, tem um smartphone, um tablet, conta no Xbox Live, joga com Kinect, anda com MP4 o tempo todo, enfim… Quantas coisas ela faz a mais do que as gerações passadas?

Estas crianças têm um grande potencial e as próximas terão maior poder para assimilar com mais rapidez e facilidade. É óbvio que o ensino tornou-se algo chato e completamente obsoleto. Queremos que as crianças se debrucem por horas nos livros quando eles precisam de alguns minutos para entender toda informação. Aliás, informação é a chave para tudo isso que está acontecendo. Temos acesso à informação com maior facilidade, eficiência e qualidade.

O ensino tem que mudar e impor novos desafios. Não basta aumentar o tempo na escola e continuar com o mesmo conteúdo. As crianças passarão a detestar cada vez mais e, consequentemente, a evasão escolar vai aumentar.

Saber o que fazer não é difícil. Converso com muitos profissionais que compartilham as mesmas opiniões e não existe uma outra maneira de mudar nosso cenário atual senão dando o primeiro chute.

Tentei (e ainda tento) implantar estes conceitos nas escolas onde leciono, mas as coordenações são acomodadas no passado e pouco ousadas. Parece que o dinheiro passou a ter maior importância do que a missão de ensinar o ser humano.

Hoje estou convicto de que a mudança deve partir de uma escola nova, com bases diferenciadas e sem medo de inovar. Estamos presos às determinações do MEC mas, se oferecermos o que eles querem como sendo básico e levar todo um conteúdo novo como diferencial, o primeiro passo estará dado. Mas para isso é preciso investimento e não tenho a menor condição de levar isso adiante por minha conta. Preciso de pessoas que compartilhem estas ideias e necessidades e, principalmente, que acreditem no trabalho e possam fazer esta engrenagem começar a girar. Eu terei o maior prazer em ajudar mas, até que isso aconteça, minha maior arma é a escrita.

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">