Dicas para as mudanças no exame da Certificação PMI-ACP

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Olá amigos do PTI,

Quero compartilhar com vocês algumas dicas preciosas para as mudanças que aconteceram no exame da certificação PMI-ACP.

As mudanças, embora inicialmente anunciadas como somente estruturais, foram refletidas nos tipos de questões do exame.

Antes de Julho/2015 era comum se deparar com questões como:

“Qual das opções a seguir não faz parte dos princípios ágeis?

  1. Manter ritmos sustentáveis e equipes auto-organizadas.
  2. Mudanças e entregas antecipadas são bem-vindas.
  3. Software funcional representa progresso e simplicidade.
  4. Planejar todos os detalhes do projeto antecipadamente.”

Ou:

“Complexidade em um projeto pode ser atribuído a três aspectos significativos. São eles:

  1. Necessidades das partes interessadas, tecnologia e pessoas.
  2. Pessoas, processos e mecanismos.
  3. Requisitos, design e desenvolvimento.
  4. Escopo, tempo e requisitos.”

Após Julho/2015 o exame cobrará questões situacionais sempre testando o candidato em um dos papéis abaixo:

  • Cliente / Customer / Product Owner
  • Equipe do Projeto
  • Gerente do Projeto

Dicas para questões na ótica do Cliente / Customer / Product Owner

  • O cliente sempre prioriza seus requisitos de acordo com o valor (tangível ou não) que o requisito concluído entrega ao produto;
  • O cliente sempre deve vislumbrar qual o mínimo produto viável (MVP) do projeto;
  • O cliente elabora o escopo de forma progressiva;
  • O cliente filtra necessidades e expectativas dos demais stakeholders do projeto e elabora um backlog priorizado e ordenado que se caracteriza como escopo do produto;
  • O cliente identifica entregas parciais do produto (releases), apesar do projeto não necessariamente estar concluído;
  • O cliente negocia os requisitos de acordo com as restrições do projeto (escopo, tempo, custo, recursos, riscos), desde que jamais sacrifique valor e qualidade.

Exemplo de questão:

Após entrevistar todos os stakeholders do projeto, o cliente da empresa XPTO criou um backlog de produto priorizado e ordenado. Porém, o prazo do projeto foi limitado a 4 meses, pois a empresa concorrente lançará um produto similar em breve e a empresa XPTO quer ser a pioneira no lançamento do produto. Por conta desta restrição de prazo, qual deve ser a ação do cliente perante ao restante da equipe do projeto?

  1. Solicitar mais recursos para o projeto visando cumprir o prazo.
  2. Solicitar ao gerente de projeto para instruir os membros da equipe a fazerem horas extras.
  3. Identificar um conjunto mínimo de funcionalidades viáveis para serem entregues em 4 meses.
  4. Identificar um conjunto mínimo de funcionalidades viáveis para serem entregues em 4 meses, divididas em iterações de 15 dias.

Neste caso a alternativa correta é a opção d. Opções a e b podem garantir o cumprimento do prazo mas não garantem a entrega de qualidade. A opção c é uma boa alternativa, pois faz com que o cliente priorize as principais funcionalidades, porém, a opção d menciona um ciclo iterativo de 15 dias onde o cliente fornecerá feedback frequente e os riscos e incertezas gerados por um prazo agressivo vão sendo mitigados no decorrer do projeto.

Dicas para questões na ótica da equipe do projeto

  • As equipes buscam a auto-organização, ou seja, sabem o que deve ser feito e como deve ser feito, sem dependerem de uma chefia ou liderança determinar quem faz o quê;
  • As equipes buscam pela autodireção, ou seja, criam suas decisões sobre aspectos técnicos do projeto sem precisarem escalar todo e qualquer problema;
  • As equipes tendem a ser multifuncionais, ou seja, possuem o conhecimento em todas as disciplinas necessárias para a conclusão do projeto;
  • Possuem total autonomia sobre as tarefas/atividades do projeto, mas não possuem autonomia sobre as prioridades do produto.

Exemplo de questão:

A equipe identificou que não conseguirá entregar todos os requisitos acordados no planejamento da iteração. O que a equipe deve fazer?

  1. Como uma equipe auto-organizada devem fazer o que for preciso para cumprir a meta acordada no planejamento da iteração.
  2. Devem estender a iteração se for preciso, visando cumprir a meta acordada no planejamento da iteração.
  3. Devem concluir o que conseguirem concluir e deixar os requisitos não concluídos para a iteração seguinte.
  4. Devem levar a situação para o cliente e negociarem qual a melhor forma de cumprir a meta da iteração mesmo que todos os requisitos acordados não sejam concluídos.

Neste caso a alternativa correta é a opção d. A equipe é auto-organizada mas não deve decidir sobre os rumos do produto sem alinhar com o cliente, logo descartamos opções a e c. Estender iterações em projetos ágil é algo PROIBIDO (no exame e na prática), pois quebra a disciplina e cadência da equipe, logo descartamos também a opção b.

Dicas para questões na ótica do gerente de projeto

  • Mais que gerenciar o projeto, ele deve liderar e motivar a equipe do projeto;
  • Deve blindar a equipe de interrupções externas;
  • Deve remover impedimentos da equipe;
  • Deve ser mediador em possíveis conflitos entre cliente e equipe;
  • Facilita todas as reuniões (formais ou não) do projeto;
  • Fornece coaching e mentoring (individual ou grupo) aos membros da equipe;
  • Identifica as motivações pessoais de cada membro da equipe e usa isso a favor do projeto;
  • Conhece soft-skills como escuta ativa, inteligência emocional e liderança situacional;
  • Atua como um líder servidor, ou seja, serve a equipe;
  • Não fere a auto-organização da equipe, evitando associar tarefas a responsáveis individuais;
  • Garante que todos os timeboxes do projeto (iterações, reuniões, daily meetings) sejam rigorosamente cumpridos, sem atrasos e sem ultrapassar os tempos acordados;
  • Diferente do exame PMP, não é o principal responsável pelo sucesso ou fracasso do projeto. A responsabilidade é compartilhada entre toda a equipe (cliente/GP/equipe) criando o conceito de “Whole Team”.

Exemplo de questão:

A equipe identifica um membro com baixo desempenho e que está provocando retrabalhos e verificações adicionais por parte do restante da equipe. Você, o gerente do projeto, é notificado desta situação e é a primeira vez que você recebe este tipo de reclamação. O que você deve fazer?

  1. Remover este membro de baixo desempenho da equipe.
  2. Substituir este membro de baixo desempenho por um analista mais experiente.
  3. Fazer uma reunião com todos os membros para que eles resolvam a situação.
  4. Fornecer coaching e mentoring ao membro de baixo desempenho, visando ajudá-lo a identificar suas dificuldades e aumentar seu nível de desempenho.

Neste caso a alternativa correta é a opção d, pois fornece coaching e mentoring ao membro de baixo de desempenho, buscando ajudá-lo a aumentar seu desempenho no projeto. Nas opções a e b, o gerente de projeto simplesmente ouviu somente um lado da história e tomou decisões mais radicais. Na opção c, pode haver uma quebra de confiança dos dois lados e uma grande chance de nascer um conflito.

Espero que estas dicas tenham esclarecido algumas de suas dúvidas com relação às mudanças do exame.

Como sempre, recomendo meu livro Gerenciamento Ágil de Projetos, da Editora Brasport, como sua referência teórica para ajudá-lo a se tornar mais um certificado!

 

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Vitor Massari

Mais artigos deste autor »

Profissional com mais de 15 anos de experiência em projetos de software. Sócio-proprietário da Hiflex Consultoria, profissional PMP e agilista, acredita no equilíbrio entre as várias metodologias e frameworks voltados para gerenciamento de projetos.
Lema: "Agilista convicto sempre, agilista obcecado jamais"


Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">