5 dicas para Gestores de Tecnologia

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Outro dia um amigo meu estava comentando que todo gestor de TI é estressado e parece não ouvir ninguém. Ouvi o que ele falou e fiquei meditando sobre essas colocações. Olhando pelo lado de quem vivencia a gestão de TI, sei que a cobrança por parte da diretoria das empresas é altíssima sobre a TI.

TI nas empresas sempre é vista como custo e não investimento. E, para piorar, muitos gestores não conseguem ter uma visão estratégica do negócio e de como mudar a imagem de ser custo dentro da empresa. Então, vou colocar aqui 5 dicas ou pontos de reflexão sobre como mudar essa visão a partir da sua equipe direta. Afinal, você precisa que sua equipe esteja alinhada nesse mesmo propósito para ter bons resultados. Vamos a elas:

1. Conheça o planejamento estratégico da empresa e entenda como a área de TI impacta os resultados. Sabendo como contribuir para que a empresa atenda ao que foi planejado durante o ano, é possível determinar que ações são realmente importantes para o negócio. Compartilhe essas informações com o time.  Traduza isso em um painel de acompanhamento dos indicadores da área, mas envolva a equipe nesse processo. Algumas ideias: Número de chamados ou projetos abertos, volume de atendimentos realizados, quedas de sistema, etc.

2. Identifique as motivações (motivos de ação) de cada membro da sua equipe. Aproxime-se da equipe com encontros regulares nos quais as habilidades e competências individuais sejam possíveis de serem levantadas. 

Eu sei que a agenda de um gestor é complicada, mas procure ter encontros individuais para que o membro da equipe consiga se expor mais abertamente sobre como ele observa as oportunidades a sua volta, possa também te dar feedbacks, etc. Ah! Nunca é tarde para lembrar que elogios devem ser realizados em grupo e críticas construtivas em particular.

3. Lembre a cada um da equipe a missão e visão da empresa. Se for possível, crie uma missão e visão para a área de TI, que contribua para a missão e a visão da empresa. Esse trabalho é muito importante para reforçar o papel da TI dentro do contexto da empresa.

Muitos profissionais de outras áreas criam barreiras de relacionamento com a área de TI, por acreditarem que a TI não os escutam. Quando se sentem incorporados ao negócio, a TI consegue ouvir mais seus clientes internos e fazer a diferença em suas entregas.

4. Estabeleça com a equipe as metas e objetivos da área de TI, com base no que foi definido no planejamento estratégico. Essas metas precisam ser SMAART (específica, mensurável, alcançável, alinhada, relevante e temporal).

Lembre-se de alinhar as metas do seu time como desmembramento das suas metas como gestor. Se a sua empresa não tem um programa formal de reconhecimento, busque você mesmo uma forma de valorizar e agradecer o desempenho do seu time.

5. Acompanhe sistematicamente os resultados da sua equipe. Analise o desempenho de cada um, apresente feedbacks e se mostre disponível para ajudar no desenvolvimento de cada um.
Com o acompanhamento da equipe e esse relacionamento próximo, é bem mais fácil corrigir o rumo do que não está saindo como planejado. E, principalmente, alicerçar as bases de um relacionamento de confiança mutuo.

Espero que essas dicas te ajudem. Se quiser mandar suas dicas para nós aqui nos comentários será muito bom, afinal, cada um tem algum ensinamento a passar.

Estou no aguardo e se quiserem me dar a honra de lerem o meu e-book Delegação e Comunicação, clique aqui e baixe grátis.

Até o próximo!

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Renata Lopes

Mais artigos deste autor »

Renata Valéria Lopes. Profissional com mais de 20 anos na área de Tecnologia da Informação. Graduada em Processamento de Dados, Pós-graduada em Gestão Empresarial e Gestão de Pessoas com Coaching. Leitora compulsiva, blogueira, apaixonada por redes sociais e estudante em constante desenvolvimento, acredita na cooperação, colaboração e compartilhamento do conhecimento como forma de aprendizado.


5 Comentários

carlos castillo
1

Parabéns pela iniciativa de abordar este interessante e importante tema, e claro, da feliz forma que foi feita!

Concordo plenamente que a comunicação entre a(s) equipe(s) é um dos fatores fundamentais para o sucesso de qualquer organização!
Portanto, deve se procurar praticar esse tipo de comunicação, cada vez mais. Incluindo novas e melhores metodologias e com mais envolvidos, na medida do possível.

Carlos Franca
3

Ola Renata, qual e a sua opinião sobre a participação de cada líder de outros setores de uma empresa de TI participar de reuniões de projetos de software? ex: o gerente do setor de vendas, o gerente do setor de suporte, etc.

Renata Lopes Autor do Post
4

Olá Carlos,

Obrigado pela leitura e envio de comentário.
Eu particularmente gosto muito da ideia, pois fui coordenadora de nível de serviço e uma das dificuldades que tínhamos era o alinhamento entre os setores de TI.
Uma mudança de sistema pode impactar a diretamente ao suporte e a infraestrutura. Assim como a Infraestrutura ao fazer manutenção de rede ou de servidor impacta no suporte.

O grande problema hoje em reuniões é a falta de disciplina em começar e terminar no horário. Além da falta de engajamento de todos em ler a pauta antes. Mas se todos são engajados e objetivos em suas colocações todos tendem a ganhar.

Abrs

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">