O problema não é mais fazer certo o software, o problema é entregar o software certo!

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Os princípios propostos no manifesto ágil já nos avisavam: software funcionando é a primeira medida de progresso.

Mas deixar funcionando um software que não tem utilidade, é desperdício. Logo, o mesmo manifesto nos ajuda nessa questão: entregar valor o mais cedo possível ajuda o cliente entender o que vai trazer mais valor ainda em um futuro próximo.

Isso mesmo! Entregar (Código Promocional Sportingbet) valor, não um software. E só mesmo usando o sistema é que percebemos que alguns detalhes que ficaram de fora são muito importantes para o usuário e que outros planos mirabolantes feitos a princípio seriam desnecessários.

dicas-desenvolvimento-software-qualidade

E as entregas desse software que funciona e gera valor para o cliente, só faz sentido se for o mais veloz e constante possível, pois entregas com frequência destacadas aparecem por uma razão simples: não é possível ter a certeza de que estamos avançando pelo caminho certo enquanto o software não tiver usuários reais.

Muitos projetos de software, principalmente no passado, se baseavam em entregar um grande projeto de software que agrega absolutamente tudo (em teoria) que o cliente deseja. Mas se analisarmos os diversos fatores que contribuem para o sucesso de um projeto de desenvolvimento de software, concluiremos que a entrega do sistema no prazo correto pode ser um dos mais críticos. Isso porque se o software demorar muito tempo para ser concluído, maiores serão os esforços e os recursos financeiros que ele demandará dos profissionais de TI e da empresa.

Agora me diga, alguma vez você já viu um cliente realmente saber o que ele quer?

Vamos deixar a pergunta mais interessante:

Você já viu um cliente saber o que ele vai querer no futuro?

Então por que continuamos insistindo em construir softwares grandes que não irão fazer mais sentido no longo prazo?

É importante refletir isso com mais uma variável para pensar, que é a complexidade técnica para resolver problemas e desenvolver software. Eu me arrisco a dizer, continuamente, que por mais complexo que um problema seja para ser resolvido, a tecnologia vai conseguir resolvê-lo um dia. A variável aqui pra mim deveria ser apenas o tempo para a solução, não a possibilidade de ser resolvido ou não.

E se conseguimos entregar software da maneira certa, resolvendo problemas, então nosso foco deveria mudar: entregar aquilo que realmente faz sentido, ou seja, o software certo.

Isso é interessante por que a empresa que desenvolve software consegue agradar o seu cliente e, em conjunto, o cliente do seu cliente.

Se o software gerar valor para o negócio, então ele acabará beneficiando também os seus clientes, que passarão a adquirir produtos ou serviços melhores, que lhes proporcionem um bom retorno sobre o investimento.

Acredito, e tenho visto isso na prática, que o mercado de TI está conseguindo olhar com bons olhos para essa nova mentalidade, porém, ainda falta a alta gestão e o comercial conseguirem se adequar para todos falarem a mesma língua e conseguir, em conjunto, integrar o cliente nessa nova modalidade que busca melhorar a vida justamente dele, do cliente.

Acredito no poder que uma entrega de valor pode ter. Entregar apenas o essencial será a futura entrega perfeita.

Fontes ou inspirações para este artigo: 

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">