Computador comum como servidor traz riscos para empresas

Uma prática comum nas pequenas e médias empresas é utilizar computadores desktop comuns como servidores de rede (quem nunca fez um desktop como servidor, ein?). Essa economia pode colocar toda uma rede e as informações ali armazenadas em risco ,e isso é fato!

Fabricantes de computadores afirmam que desktops não são preparados para trabalhar 24h por dia e fazer outras tarefas comuns em servidores de rede. Um desktop não está preparado para compartilhar arquivos em larga escala ou mesmo trabalhar como servidor de impressão, sendo que estas tarefas podem sobrecarregar o equipamento e levar a empresa a paradas indesejadas e a perda de dados. Outra prática que pode danificar o equipamento é deixá-lo funcionando 24h por dia, pois desktops não são projetados para suportar este tipo de carga de trabalho – não possuem componentes/sistemas robustos tal como servidores.

Gigantes como a Intel, Itautec e Microsoft se uniram e criaram um programa de conscientização para ajudar pequenos e médios empresários a criarem redes de computadores mais eficientes e seguras.

Segundo alexandre Barbosa, coordenador de comunicação da Itautec, um servidor traz mais robustes, segurança e confiabilidade para a empresa, pois, na grande maioria das vezes, servidores trabalham com esquemas de redundancia para energia, armazenamento, memória e etc, além de serem projetados para suportarem grandes cargas de trabalho. É isso que um empresário deve avaliar na hora de montar a sua infraestrutura de rede. Outro ponto importante é investir em um sistema operacional apropriado, pois um SO para servidor possui funções específicas e deve trabalhar direto sem travar.

Diferente do que todos pensam, o investimento em um servidor não é muito maior que o investimento em um desktop comum. Vale a pena gastar um pouco mais para ter uma rede mais segura.

Conte pra gente como é a infra que você trabalha. Utilizam desktops como servidores? Caso positivo, os equipamentos geram problemas? Não precisam citar nomes, claro! :)

Referência: 72DPI


Marcelo Alves, graduado em Desenho Industrial com habilitação em Programação Visual pela Universidade do Estado de Minas Gerais. Atua como Webdesigner e Diretor de Criação desenvolvendo projetos de comunicação para web.

19 Comentários

Daniel R Matos
1

Já utilizei desktops como servidores por bastante tempo. Dependendo da qualidade de componentes como placa-mãe, memória, discos, ele vai funcionar muito bem, mas ainda prefiro usar servidores mesmo. Há no mercado hoje servidores baratos de empresas de renome, que chegam ao mesmo preço de montar um desktop de nível. Inclusive troquei a pouco tempo um desktop mais novo por um servidor IBM antigo que um grupo de pesquisa não queria mais – pois tinha um disco pequeno e antigo, ele tem sido bem mais confiável que o desktop novo que havia lá.

Glaison Alexandre Medina
2

Infelizmente na maioria das pequenas/medias empresas não se tem esse pensamento, cansei de ver proprietários querendo colocar como servidor aquele computador mais velho que se tem dizendo ele fica lá parado não faz nada mesmo, tem sim que conscientizar essas pessoas para que tenham mais segurança em suas empresas, afinal o patrimônio é delas, parabéns pelo blog e post.

FC&T - Tecnologia
4

Sim, trabalhei em uma infra que tentou fazer um desktop rodar como server de impressao, trabalhou por duas horas e depois a impressao parou na infra inteira o dia todo.
Trabalho hoje em outra que usa tambem um desktop como server e todo dia cedo tem que reiniciar o menino, da trabalho. Fazer o que, toca o barco!

Mariana Rocha
5

Usar computador comum como servidor é mesmo um problema, aqui na empresa onde trabalho além da rede ser muito lenta, o servidor vive travando. Já cansei de falar para comprarem um servidor, mas ninguém me escuta.

Newnton
6

Aqui na minha empresa estamos migrando o nosso servidor, usamos uma máquina comum. Gostaria de saber qual servidor vocês me recomendam. Temos uma rede com 10 computadores e duas impressoras que gostaríamos de ligá-las na rede também.

Netto
7

Onde eu trabalho, administro o departamento de informática e TI e a primeira coisa que eu fiz foi solicitar aquisição de equipamentos novos, hoje temos 4 servidores novos, de última geração e apenas um computador desktop que serve apenas para gerenciar o cache da rede, numa rede com quase 10 computadores ligados durante o expediente tem semanas que não dá problema, nossos maiores problemas são a energia elétrica precária que tem queda e oscilações constantes e mesmo com no-break ainda assim temos problemas e no enlace de dados que de vez em quando cai, mas problema nos servidores e na rede em geral quase não temos.

Marcus Vinicius Cirino e Silva
8

Acho que isto é exagero de fabricante.
Sempre deixei meu desktop ligado 24×7 e nunca tive problemas.
Tanto que transformei um Duron 1.6 com 512Mb de RAM e 2 Hds IDE de 500Gb num FileServer, utilizando software livre. Jamais usaria Windows para tal.

O que determina o porte do servidor é a sua utilização. Para atender 4 pessoas, o meu “deskserver” funciona muito bem. Esta máquina que tenho é fileserver, faz backup dos desktops e depois sincroniza tudo em nuvem com rsync.

Para exemplificar: cotei um servidor Dell PowerEdge T110 para um cliente. Na configuração online, você pode ser um HD de 1TB SATA custando R$1562,00. É um HD SATA Western Digital que custa menos de R$300,00 em qualquer loja séria e com nota fiscal. Vão me dizer que não é valorização demais do produto ? Não tem nada de especial neste HD, então porque custa 5x mais que a média de mercado ?

Então, antes de afirmar que um “deskserver” não funcionará na sua empresa, pense em fazer um sizing de máquina. Pode ser que aquele micro velho, encontado, atenda a necessidade da micro ou pequena empresa.

Daniilo
9

Vou concordar o Marcus parcialmente.
Na verdade os hds de servidores tem sim, tecnologias diferentes, alguns mais buffer, outros mais rpm, ou controles internos.

Trabalho com TI a mais de 9 anos, e apesar de reconhecer o uso de servidores o ideal para ambiente de producao, muitos de meus clientes rodam servidores em desktop, com sistemas linux, sem problema algum. (por quesitos particulares deles)

Claro que nao se pode confiar 100% em um hardware de desktop, mais quem o fizer, para hardware de Servidor tambem sera um tolo.

Eduardo Pontes
10

Concordo com o Marcus. Na minha empresa troquei os desks por notes e o que viraria lixo eletronico, virou server, respeitando o dimensionamento. Tem micro la que tem 8 anos e nunca parou. Estou usando ate note como server, que ainda elimina o nobreak de 10kg e posso levar pra casa pra dar manutencao.

Francisco
12

Esse negocio que falar que Desktop não serve como servidor é conversa fiada. Quem não aguenta muita coisa como servidor é o próprio Windows. Instalei um Servidor Linux em um comércio de conserto de aparelhos eletronicos, e está funcionando até hoje ( 29/02/2012 ) e foi instalahá mais de 10 anos em uma maquina modesta ( Athlon ) com Red Hat v6.2. Depende muito do uso de cada empresa ou comércio. E acho que os Servidores por serem direcionados para empresas, o pessoal superfatura os valores. Não adianta ter uma Ferrari para andar a 20 km por hora.

Jairo
13

Concordo com alguns comentários, e concordo com o Francisco. Realmente se for usar Windows Server em um desktop comum, as possibilidades de ter problemas são gigantescas, já essas possibilidades podem cair drasticamente se usar um server linux.

Conheço uma pequena empresa que começou usando um modesto pentium 4 como servidor rodando um modesto linux… Isso em 2009, e adivinhem?? Até hoje utiliza o mesmo. :)

É claro que isso depende da necessidade e da quantidade, acredito que esse mesmo server que essa pequena empresa montou, não duraria uma semana em uma grande empresa.
(ou quem sabe nos surpreenderia e duraria também)…

Mas essa idéia de dizer que tal desktop não serve para ser um Servidor, é coisa de Microsoft alienada a Fabricantes que querem vender seus peixes.

Daniel Yasuda
14

Caro amigo Daniilo, voce diz que hds tem diferencas entre elas buffers e rpm. qualquer hd que voce vai comprar você facilmente define isso. Essa de controles internos é piada para boi dormir.
Agora ser for um hd SAS, SCSCI eu fico quieto.
Quanto ao tópico… Sim desktops em alguns casos dao conta do recado, o problema é que tem gente que usa desktop que foi afastado com algum defeito para usar de server.
Ou excede a cota do equipamento, não se pode comparar um duron 1.6ghz com 512 de mem com um xeon 2.0 quad e 4gb de ram.
Tudo muito depende do que voce está exigindo do micro…
Concordo em usar equipamentos especificos para servidores, mas nos casos onde realmente há necessidade e tenha toda uma estrutura (já que é para fazer, faça-o bem feito).

é um assunto polemico, mas que vai de opiniao….

Diego
15

Apenas para comentar sobre algo que pretendo fazer…

Minha namorada está montando a empresa dela que sera uma pequena indústria – pequena só no começo ;-)
Inicialmente serão apenas 3 computadores, sendo o note dela, um note pra secretária e o meu note (eventualmente).
Para uma empresa que está começando toda economia é bem vinda então par a estrutura de TI inicial irei montar um servidor com um computador que está parado na minha casa (parado por falta de espaço pra colocar ele e não por estar com defeito).
Ele tem a seguinte configuração:
- Core2Duo 2.33Ghz
- Memória de 6 Gigas – 800mhz
- 1 HD de 500GB
- 1 HD de 320GB

Neste servidor irei utilizar XenServer para virtualizar 2 máquinas linux, uma com o firewall+proxy+samba(domínio e arquivos) e outra para o sistema ERP.

Parece muita coisa, mas também não quero ficar com esta estrutura por mais que 6 meses.

[ ]`s

JOSE
16

boa noite

Montei uma maquina para atuar como servidor:

Gabinete server com fonte de 500w
PROCESSADOR i7 2600
MEMORIA KINGSTON 8GB 2X4
HD WEST. DIGITAL 1TB
NO BREAK

SERA QUE DA CONTA EM REDE COM 6 MAQUINAS?

Leandro
17

Olá a todos!
Eu acho que é exagero por parte dos fabricantes, isso se parece com aquela historia de que CD PIRATA estraga os aparelhos de som e isso todo mundo sabe que é MENTIRA. Um Desktop pode sim atender as necessidades de grande parte das empresas por exemplo um escritório de contabilidade pode trabalhar com um Desktop tranquilamente um Supermercado já teria que ter um Hardware mais robusto e provavelmente um Server seria necessário.
Uma outra coisa que influencia muito é o S.O e o linux é muito mais estável e requer muito menos do hardware que um Windows server, tanto é verdade que 65% dos grandes provedores usam LINUX nos seus servidores.

Comentario de: Jez_kp no yahoo respostas:

Eu uso Linux num rélis K6-2-500. Roda 24 h/dia, atende 32 máquinas e não pára, já tem 4 anos (parou para troca da fonte, do hd e uma das placas de rede, nada mau)
Existem vários “sabores”de Linux. Escolha um robusto: Red Hat, Debian, FreeBSD. Lembre-se os grandes provedores de acesso usam LAMP

alessandro
18

Montei um servidor com um nettop da kaiomy 1.66 Ghz 2GB Memoria, 1 placa de rede.
Uso ele como servidor Web, de arqiuivos (samba), FTP, Proxy Squid
Servidor Linux Slackware 13.37 atualizado recentemente.
Ta rodando a mais de 1 ano, so tive que trocar o cooler da fonte fiz uma adaptacao pois nao encontrei o cooler apropriado. Nao tem cooler no processador. Apenas na fonte.
Detalhe: consome 18 watts de energia.
Fica ligado 24h por dia, nunca tive problemas com ele. Nunca travou.
Servindo para 10 maquinas em rede.
Qualquer duvida mande email
alessandroperigo-at-hotmail.com

pedro henrique
19

a empresa que trabalho esta adquirindo um dell PowerEdge T110 II torre para trabalhar com SO Windows server 2008 fundation,
pq hj roda o servidor com SO 2003 e em um desktop, dualcore 2GB RAM estamos tendo mto problema de travamento de sistema operacional,
se alguem ja usou ou usa essa maquina e puder me falar um pouco a respeito.
att.

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!

*

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>