Qual o vocábulo a ser adotado?

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Olá Amigos do PTI,

Acredito que este texto irá gerar uma grande discussão e talvez até revolta de algumas pessoas, mas por que não discutir o vocábulo usado na informática como um todo?!

Na segunda semana de janeiro, ao ler alguns documentos oficiais do governo brasileiro, me deparei com dois termos usados que num primeiro momento me causaram estranheza. Ao ler novamente e buscar a respeito dos mesmos, vi que são aceitos pela ABL (Academia Brasileira de Letras). Os termos são: leiaute e sítio.

Estes termos existem em nosso idioma e deveriam ser usados, mas sempre vai haver alguém pra indagar: “mas todo mundo já conhece layout e site, por que mexer?”.

Em Portugal, pelo que conversei com a líder das traduções do Ubuntu, é mais comum terem termos “nacionais” do que o estrangeiro. Só pra lembrar que lá se fala sítio (site, página na internet), rato (mouse) e outros. Fiz uma pesquisa, quase que informal entre os tradutores do Ubuntu, e como eu já esperava, por terem o perfil mais técnico, em sua maioria acharam uma aberração o termo sítio, já leiaute foi mais aceito.

Lembrando que uma das definições do Houaiss para sítio é “2.1 qualquer local, lugar” e outra ainda do Houais é “9 Rubrica: internet. palavra sugerida em lugar do inglês site. (fonte Houaiss). Isto apenas para citar alguns termos que poderiam ser mais brasileiros. Em nenhum momento disse que é comum e sim correto segundo a norma brasileira adotada.

E no meu sítio (por que não usar o termo? É diferente, confesso, mas é correto) fiz um texto parecido com este e os comentários gerados foram bem curiosos, alguns até me surpreenderam. Há muitas pessoas que ao refletirem defendem a norma brasileira, outros falam em dosar o patriotismo, por exemplo, sítio sim, mas arcabouço (framework) não!

Então, volto a pergunta do título deste post. Qual o vocábulo a ser adotado? Não pensei em responder à pergunta, apenas em pôr em discussão por aqui. :D

Obs.: sim, apesar de ser correto e adotado no geral pela ABL, no sítio deles tem a palavra site.

André Gondim
http://andregondim.eti.br
Twitter: @AndreGondim e @profissionaisti

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

André Gondim

Mais artigos deste autor »

André Gondim é Ubuntu Member desde 2007, faz parte do Conselho Ubuntu Brasil e lider das traduções do Ubuntu no Brasil. Membro do Planeta Ubuntu (http://planeta.ubuntu-br.org) e do Planet Ubuntu (http://planet.ubuntu.com) e escreve no seu blog http://andregondim.eti.br


3 Comentários

João Paulo V. Braga
1

Há muita Influência disso na falta de conteúdo didático e compartilhamento de informações am âmbito nacional, no caso, em portugues. Temos que recorrer a sites com conteúdo em inglês, e acabamos usando os temos que eles usam, é simples. Se eu colocar em um post no meu blog a palavra arcabouço, como você mesmo sitou, quase ninguém vai entender. Uma solução para isso é nós, desenvolvedores e blogueiros que compartilham informações técnicas, adotemos o portugues, mas isso pode impactar muito no entendimento/aprendizado de quem vai ler… É bem complicado!

André Ferreira
2

Eu sou a favor de adotar os vocábulos em português, mais para isso acontecer, deve estudar assim desde da escola. Quem nunca estudou os significados as palavras no ensino fundamental.

Daniel
3

Bom, acho complicado por vários aspectos, mas a utilização dos termos recomendados é interessante sim. Eu as vezes o faço e as vezes não, questão de vício. Mas creio que essa valorização da língua portuguesa deve ser reinterada. Acho bacana colocar isso em discussão pra aguçar e vermos os prós e contras que cada um tem a levantar
Parabéns

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">