Como utilizar o crowdsourcing nas campanhas de e-mail marketing

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Estudos apontam que cerca de 75% dos brasileiros que acessam a internet são co-criadores de conteúdo online. Esses dados confirmam o termo criado por Jeff Howie em 2006, que pregava o poder da união das pessoas na geração de informações, nomeando-o de crowdsourcing, ou seja, utilizar a inteligência e o conhecimento coletivo espelhado pela internet na resolução de problemas e criação de conteúdo.

Esse conceito, que começou a se tornar comum na internet brasileira durante o ano passado, é considerado uma das maiores tendências do marketing digital para 2012. Aliado ao e-mail marketing, uma das principais ferramentas para se relacionar com os clientes, o crowdsourcing pode trazer imensos benefícios para uma campanha digital. Para isso, selecionamos algumas dicas de como utilizar as duas ferramentas juntas:

Deixe o usuário criar: Por mais que um cliente seja identificado com uma marca, é sempre possível que haja alguma discrepância, por menor que seja, entre a campanha e o entendimento dele. Uma possibilidade gerada pela união do e-mail marketing com crowdsourcing é deixar que o próprio usuário escolha o conteúdo que ele irá visualizar dentro da campanha de mensagem eletrônica. Certamente, este será o mais alto nível de segmentação dentro do e-mail marketing, em que o usuário esperará ansiosamente por cada nova mensagem.

O visual que mais agrada: Outro ponto muito importante para uma campanha de e-mail marketing é o template. Assim como no caso do conteúdo, cada cliente tem uma forma predileta de visualizar a mensagem. Enquanto alguns preferem visualizar tudo por plataformas móveis, outros optam por uma disposição diferenciada das informações. O crowdsourcing viria mais uma vez para deixar a peça de e-mail marketing na forma ideal de visualização para o usuário.

Interação com a marca: Muitas empresas utilizam o crowdsourcing para gerar uma maior proximidade entre o cliente e a marca. Campanhas e promoções em que os consumidores propõem novos produtos, slogans, entre outras ações, são cada vez mais comuns. Guardado o potencial do e-mail marketing em gerar e fomentar um relacionamento, a ferramenta pode ser uma forma essencial para proporcionar essa interação entre conteúdo, cliente e marca.

Espaço colaborativo: Segundo pesquisas, a cada quatro internautas, três deles geram conteúdo. Logo, a colaboração já está praticamente intrínseca na cultura dos usuários brasileiros. E, não há nada que os clientes gostem mais do que ver algo produzido por eles mesmos tornando-se conteúdo de uma marca. Utilizando o crowdsourcing no e-mail marketing, crie um espaço dentro de suas campanhas no qual os próprios usuários poderão gerar conteúdo e informações, claro, desde que aprovado pela marca.

por VIRID: empresa Experian e líder em soluções para envio e gestão de email marketing.

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">