Redes Sociais: importantes e necessárias, se bem utilizadas!

Você tem FACEBOOK ou TWITTER? Esta é uma pergunta clássica dos tempos modernos. Quem não está presente nas mídias sociais está completamente perdido neste mundo digital, completamente conectado e com uma velocidade alucinante de informações. E sua empresa, está presente nas mídias sociais?

Diferente de uma pessoa física, que usa as mídias sociais apenas para diversão, conexão com amigos e para jogar, estas ferramentas têm propósitos diferentes (embora nem sempre percebidos) para as empresas. Estas devem ver as mídias sociais com outro olhar, capaz de fomentar negócios e, principalmente, saber o que seu cliente quer,  no que está falando em  seu perfil.

CUIDADO! Número de conexões não é tudo. Pense muito pelo lado da qualidade e não da quantidade de seus contatos. Não importa se você tem 10 mil contatos, se não há qualidade em nenhum. Você lê, responde e interage com as conexões? Você se importa com as pessoas que lá estão ou são apenas números para fazer sua rede social “bombar” na web? Quantas vezes já escutei: “Nossa, tenho mil contatos”. Será que estes são importantes?

Nos preocupamos muito em postar tudo que achamos interessante. Mas nem sempre é o mesmo olhar do cliente. Interessante para um pode não ser para outros. Sua empresa está preocupada em colocar um link de uma atriz famosa nua ou em gerar conteúdo, conhecimento e negócios? Dependendo da resposta, as mídias sociais podem (ou não) ser uma boa para você.

Em qualquer mercado, as mídias são um poderoso modo de saber o que seus clientes pensam sobre você. De forma rápida e, muitas vezes, cruel, as mídias sociais expõem fraquezas e defeitos que não vemos. Para quem quer melhorar, pode ser o início de mudanças orientadas pelo desejo dos clientes. Para os que querem ignorar, é mais um passo rumo ao fracasso.

Pense bem: este é um caminho sem volta. Esteja preparado para as mídias sociais; caso não esteja, será tragado por este furacão. Pense na qualidade e no que isso pode gerar de positivo. Portanto, tenha foco. Ter para dizer apenas o que tem é coisa do passado e não traz nada de positivo.

por Bruno Coelho: Gerente de Marketing da AGIS, uma das principais distribuidoras de TI e Informática do país.


Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!


× 8 = quarenta oito

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>