O sul é mesmo o Vale do Silício Brasileiro?

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Esses dias, vendo algumas notícias de tecnologia, me deparei com a seguinte manchete em um grande veículo de comunicação: “Sobram vagas de TI em Santa Catarina”.

Não é novidade esse tipo de manchete nos noticiários Brasileiros, muitos aqui mesmo no portal já falaram sobre isso, mas hoje eu gostaria de focar nessa obsessão que se tornou a região Sul para a nossa área.

Primeiro que eu sempre desconfio de todos os títulos de “estão sobrando vagas” em qualquer lugar do Brasil que tenha a ver com tecnologia, todos os profissionais que já estão na área há algum tempo sabem que boa parte deles é “exagero editorial”.silicon

Não estou aqui para criticar os profissionais que fazem suas matérias e sei que assim como nós do PTI, eles são criadores de conteúdo e são cobrados para criarem matérias e reportagens. Mas precisamos colocar um pouco os pés no chão e analisar os dados friamente para concluirmos que “O sul é o novo vale do Silício Brasileiro”. Então vamos lá.

A primeira coisa que reparei sobre a matéria, é que ela comete o erro mais primordial que nós da área estamos careca de saber: a mistura de todas as profissões da área no mesmo acrônimo “TI”. Existem vagas no sul? Existem! Porém 95% delas são voltadas para os programadores, testadores e áreas em volta desse universo, o restante, como infraestrutura e redes, quase não se vê.

O segundo problema é que se analisarmos friamente os dados, não é uma “explosão” de empregos. Por exemplo, usando os dados disponíveis no site da Apinfo deste mês (Abril/2017), o grande expoente de empregos da nossa área é em São Paulo, oferecendo 2601 vagas de empregos. Mesmo somando SC (6), PR (43) e RS (30), não chega nem perto. 

Capturar

Terceiro, precisamos falar sobre que tipo de empregos são esses também.

Vamos falar sério? Quem quer ficar 4 anos da vida estudando na faculdade, e depois de sei lá quantos anos se qualificando para ganhar 5 mil reais? Conheço vendedores que ganham isso só de comissão por mês, sem ter que ficar se atualizando constantemente, como exigido em nossa área.  

Em uma outra pesquisa na Apinfo, na parte dos relatórios de Empregos e Salários, é justamente essa a média de salário somando todas as profissões – 5 mil reais. E as exigências para o preenchimento dessas vagas são enormes e nós sabemos disso: certificações, experiência e etc.

Porém, eu acredito que nós profissionais também precisamos fazer nosso mea-culpa, pois nós muitas vezes acreditamos que apenas a formação universitária é o suficiente para ganharmos um bom salário na área e despertar o interesse no mercado, deixando muitas vezes de estudar, se atualizar e ter um bom currículo.

A quantidade de profissionais com certificação ainda é baixa, pouco mais de 30% apenas:

Certificacao

Óbvio que a certificação em si não é sinônimo que o profissional é qualificado, mas todos que já passaram por este martírio sabem que é um processo complicado e que muitos desistem no caminho, sendo um bom parâmetro para saber pelo menos o envolvimento dele com a tecnologia em que se certificou.

Enfim, na minha opinião, vejo que a matéria sobre o “Vale do Silício Brasileiro” não passa de um exagero editorial para gerar notícia.

Por favor deixem suas opiniões abaixo. O Sul está mesmo com tudo para vagas de TI ou não?

Até a próxima amigos.

AGRADEÇA AO AUTOR COMPARTILHE!

Franklin Ribeiro

Mais artigos deste autor »

Bacharel em Sistemas da Informação com experiência de mais de 10 anos na área de tecnologia da Informação, atuando geralmente para correção de falhas de infraestrutura. Atualmente trabalhando como Analista de Gerência de Incidentes do Grupo Abril de comunicações e ministrando aulas do curso Redes de Comunicação de Dados da Escola Técnica Estadual de São Paulo (ETEC).


5 Comentários

Daniel
1

Você cometeu o mesmo erro da reportagem que criticou. Quando citou as 2601 vagas abertas em São Paulo, também não são 95% voltadas a programadores e testadores? Além disso, citar apenas um site de vagas de empregos me parece um tanto ingênuo em pensar que reflete a realidade do mercado, pois apenas na empresa que trabalho (no sul de SC), existem 14 vagas abertas. É claro que á poucas vagas abertas em outros estados pois poucas empresas divulgam suas vagas neste site.

Juliana
2

Olá Franklin, para mim, no que se refere a oportunidades de carreira atrelada a tecnologia da informação, tudo é exagero editorial, ou floreamento de um único profissional ou marketing de venda ( cursos, faculdades, etc.) .Musitas pessoas acham que qualquer coisa que envolve computador é TI .Eu gostaria que essas avalanches de oportunidades fossem verdade. E que, principalmente, as empresas, os contratantes, vissem e reconhecessem o esforço( tempo, dinheiro e dedicação) que nós, profissionais e amantes da carreira fazemos,e dispusesse remuneração justa,honesta, bem como boas condições de trabalho e oportunidade de desenvolvimento profissional e pessoal. Eu tenho a sensação de que, os recrutadores, empresas que buscam por profissionais de tecnologia informática, jogam qualquer coisas que acham bonito, interessante e “difícil” na descrição de vaga e depois diz que não tem profissionais a altura de tal cargo.

Franklin RibeiroFranklin Ribeiro Autor do Post
3

@Daniel,

Sim, eu deixei claro no texto que refletia minha opinião pessoal, e toda a vez que vejo esse tipo de “notícia” eu procuro, procuro e não acho as centenas de vagas que eles dizem que estão abertas no Sul. Eu sei que um site apenas não reflete o mercado como um todo, mas mesmo nas “reportagens” que citam os empregos sobrando, se você abrir, vai ver que reflete aquilo que eu citei no texto, vagas muitas vezes ruins pela exigência que procuram, ou apenas para programadores. Obrigado pela opinião.

@Juliana, É verdade, eu gostaria também que fosse a realidade essa multidão de vagas, mas não é o que eu vejo. E também tenho a mesma sensação, que os recrutadores fazem uma mistura para “filtrar” candidatos em meio à vários e que na prática não usarão tudo que exigem. Obrigado pelo comentário.

Diego Tondim
4

No sul do país temos algumas das maiores empresas do Brasil, e todas tem constante necessidade de vagas, posso citar como exemplo: HBSIS, Sênior, TOTVS, Toughtworks, Philips, Conta azul, Linx e TSystems . Somente em Blumenau uma empresa precisa de uma média de 200 funcionários e outras já tem projeção de muito mais do que isso. O mercado é extremamente aquecido e precisa de profissionais qualificados, estamos buscando de outros estados pois aqui está difícil encontrar profissionais como você falou, com, além do conhecimento, a vontade de constante atualização.

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com * são obrigatórios!

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">